DOL Carajás
Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
23°
cotação atual R$
COVID-19

Pfizer quer aplicação de terceira dose da vacina em adultos 

Atualmente, recomendação da OMS e do Ministério da Saúde é a aplicação de duas doses da ComiRNAty, da Pfizer, em pessoas acima de 12 anos

quarta-feira, 10/11/2021, 17:53 - Atualizado em 10/11/2021, 17:53 - Autor: CanalTech


Esta é a segunda tentativa da Pfizer em liberar o acesso do reforço para todos.
Esta é a segunda tentativa da Pfizer em liberar o acesso do reforço para todos. | Geovana Albuquerque/Ag. Saúde DF

Na terça-feira (9), a farmacêutica norte-americana Pfizer deu entrada em um novo pedido para que a aplicação das doses de reforço da vacina ComiRNAty (Pfizer/BioNTech) contra a covid-19 valessem para todos com mais de 18 anos. O pedido é analisado pela agência Food and Drug Administration (FDA), dos Estados Unidos.

Para solicitar a ampliação do uso da terceira dose contra a covid-19, a Pfizer apresentou um novo estudo — ainda não publicado por uma revista científica — dos efeitos de reforço em cerca de 10 mil voluntários. A Fase 3 do estudo foi realizado em três países (EUA, Brasil e África do Sul).

Em comunicado, a farmacêutica afirmou que "os dados mostram um perfil de segurança favorável e eficácia relativa da vacina de 95% contra a covid-19 em comparação com o esquema de duas doses, durante um período em que a Delta [B.1.671.2] foi a cepa prevalente".

 

Pfizer pede ampliação de uso da terceira dose contra a covid-19 nos EUA
Pfizer pede ampliação de uso da terceira dose contra a covid-19 nos EUA | Reprodução/Gstockstudio/Envato Elements
 

Vale lembrar que esta é a segunda tentativa da Pfizer em liberar o acesso do reforço para todos. Em setembro, um painel consultivo da FDA rejeitou o pedido. No entanto, o comitê recomendou doses de reforço da Pfizer para alguns grupos, como os imunussuprimidos.

Quem pode receber doses de reforço contra covid nos EUA?

Nos EUA, a FDA já autorizou a aplicação de doses de reforço de três imunizantes: a fórmula da Pfizer/BioNTech; a da Moderna; e a da Janssen (Johnson & Johnson). Só que, por enquanto, a aplicação das doses de reforço das vacinas da Pfizer e da Moderna ainda são limitadas.

No caso das duas, elas são recomendadas para pessoas totalmente vacinadas há pelo menos seis meses e que tenham mais de 65 anos. Além disso, pessoas com mais de 18 anos e com alto risco de desenvolver covid grave ou com elevado risco de exposição ao coronavírus também poderão receber as doses.

Já as recomendações para as doses de reforço da vacina da Janssen foram mais abrangentes. Isso porque podem ser aplicadas em qualquer pessoa com mais de 18 anos que já recebeu a dose única do imunizante há pelo menos dois meses. (Fonte: Medscape e Pfizer News)


Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)