Diário Online
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$
SUPERAÇÃO

Herói do Corinthians recomeça vida após guerra na Ucrânia

Maycon, autor dos dois gols na vitória sobre o Boca superou drama da guerra no leste europeu

quarta-feira, 27/04/2022, 14:50 - Atualizado em 27/04/2022, 14:50 - Autor: DOL

Google News

Maycon viveu o medo e a tensão na Ucrânia e achou no Corinthians a alegria.
Maycon viveu o medo e a tensão na Ucrânia e achou no Corinthians a alegria. | Divulgação / Conmebol

“Levanta, sacode a poeira e dá volta por cima”, esse verso da canção Volta Por Cima, escrita pelo compositor Paulo Vanzolini e cantada por artistas como Beth Carvalho, Jorge Aragão e outros pode traduzir bem o momento atual de um dos jogadores do atual elenco do Corinthians.

O volante Maycon, destaque do Timão na vitória de 2 a 0 sobre o Boca Juniors, pela Copa Libertadores da América, tem um motivo especial para comemorar o triunfo na partida disputada na última terça-feira (26), na Arena Corinthians.

Até o inicio do ano, o jogador atuava no Shakhtar Donetsk, onde tinha acabado de ser campeão da Supercopa da Ucrânia, porém a guerra no país acabou interrompendo o futebol e o jogador veio para o Brasil com a esposa e os filhos, após ver o país devastado por militares russos.

Graças a FIFA, os jogadores estrangeiros que atuavam na Ucrânia estão sem contrato e permitiu ao Corinthians assinar com o jogador, que tinha sido campeão paulista e brasileiro pelo clube, em 2017. Atualmente, o Campeonato Ucraniano foi suspenso e não terá campeão nesta temporada.

Coube ao jogador o papel de estrela do time no triunfo sobre o time argentino, em uma reedição da final da mesma Libertadores, em 2012. Mais do que gols e ser craque do jogo, a noite foi especial para o jogador que mostrou que o esporte pode vencer a guerra, literalmente.

Maycon caiu nas graças da Fiel e pode ser peça importante do Timão, líder do seu grupo na Libertadores e também nas competições como o Brasileirão e a Copa do Brasil.

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS