Diário Online
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
23°
cotação atual R$
GLORIOSA

Conheça a história: Tuna Luso completa 119 anos de fundação

Do navio ancorando e de uma banda criada até ser Campeã do Campeonato Brasileiro das Séries B e C e conquistar dez Campeonatos Paraenses.

sábado, 01/01/2022, 20:44 - Atualizado em 01/01/2022, 20:49 - Autor: Kaio Rodrigues

Google News

Tuna conquistou dois campeonatos brasileiros e volta a tentar a fazer história em 2022
Tuna conquistou dois campeonatos brasileiros e volta a tentar a fazer história em 2022 | (Foto: Divulgação)

Fundada em 1º de janeiro de 1903, a Tuna Luso Brasileira completa neste sábado (1), 119 anos de história. Mas engana-se quem pensa que a Águia Guerreira começou sua trajetória já no futebol. No dia 13 de novembro de 1902, um navio português chamado "D. Carlos" ancorou em Belém. Jovens portugueses participaram de diversos festejos pela cidade, até que se reuniram no Café Apolo, onde Antonio Augusto Lobo sugeriu a criação de um grupo musical para anunciar-se em festas.

As reuniões da banda aconteciam na rua Frutuoso Guimarães, na casa de Antônio Lobo. No dia 12 de dezembro, ficou decidido que o conjunto musical se chamaria Tuna Luso Caixeiral, já que Tuna tem o significado de orquesta e Luso fazia alusão à nacionalidade de seus fundadores. Caixeiral representava o trabalho no comércio. A instalação oficial da Águia Guerreira aconteceu no dia 1º de janeiro de 1903.

 

Estádio Francisco Vasques foi inaugurado em 1º de janeiro de 1935
Estádio Francisco Vasques foi inaugurado em 1º de janeiro de 1935 | (Foto: Divulgação)

No começo de tudo, Real foi implementado antes de Tuna Luso Caixeiral por causa de uma ação do rei de Portugal, D. Carlos I. No entanto, depois da Proclamação da República Portuguesa, no dia 5 de outubro de 1910, o título de "Real" foi retirado. Posterior a isso, em 1926, foi nomeada de Tuna Luso Comercial e por fim, em 12 de junho de 1967, como Tuna Luso Brasileira, como é conhecida até hoje.

O futebol só foi inserido na Lusa em 1915. As competições oficiais só começaram em 1930 e veio a ganhar seu primeiro título sete anos depois, quando conquistou o Campeonato Paraense de 1937 e de maneira invicta. No dia seguinte, veio o bicampeonato. O tri aconteceu em 1941, também de forma invicta. O tetra em 1948. Um ano depois, campeã invicta de um torneio internacional realizado em Paramaribo, no Suriname.

Em 1951, 1955 e 1958, mais três Campeonatos Paraenses, com o de 55 sendo invicto, o que rendeu três estrelas amarelas sobre o escudo. No mesmo ano, uma disputa contra o Paysandu que foi vencida e ficando com o título de Supercampeã Paraense daquele ano. Em 59, jogou a Taça Brasil, que era organizada pela antiga Confederação Brasileira de Desportos, atual CBF. O feito fez a Tuna a ser o primeiro clube paraense a disputar uma competição nacional. No ano de 1970, conquistou seu oitavo Campeonato Paraense.

Os dois últimos estaduais da Tuna foram conquistados em 1983 e 1988. No ano de 1985, o primeiro título Brasileiro, quando conquistou o Brasileiro da Série B. Na temporada de 1992 garantiu o título da Terceira Divisão Nacional. De lá para cá, a Águia não viveu tantos bons momentos. Ficou sem divisão, amargou fracassos, sendo rebaixada no Parazão.

Após sete anos na Segundinha, em 2020 veio o título da competição e a volta à elite estadual. Na temporada de 2021, vice-campeonato paraense conquistado, além de garantir vaga na Série D do Brasileiro de 2022, Copa do Brasil e Copa Verde.

Escudo:

O formato do escudo não mudou ao longo da história. As mudanças foram internas. O inicial continha as iniciais T-L-C e uma nota musical vermelha ao centro cortada por quatro linhas verdes. Depois, as letras foram mantidas, mas a nota musical foi trocada por uma Cruz Pátea vermelha, parecida com a Cruz de Malta. Por fim, a última mudança, trazendo as iniciais T-L-B (Tuna Luso Brasileira) e o ano de fundação (1903), abaixo da cruz.

 

| (Foto: DOL)


Mascote:

Por ser considerada a ave mais forte de todas, a Águia foi escolhida como o símbolo do clube. Ela é bonita e corajosa, além de poder se renovar.

A águia normalmente é muito associado a força e coragem. No entanto, diferente do que muitos pensam, essa ave ganhou esse significado bem antes de estar estampada em um brasão. Segundo historiadores, a águia tem uma ligação direta com Zeus, maior figura da mitologia grega.
A águia normalmente é muito associado a força e coragem. No entanto, diferente do que muitos pensam, essa ave ganhou esse significado bem antes de estar estampada em um brasão. Segundo historiadores, a águia tem uma ligação direta com Zeus, maior figura da mitologia grega. | (Foto: Internet)

Títulos:

Nacionais:

Campeonato Brasileiro da Série B de 1985

 

Equipe campeã brasileira de 1985
Equipe campeã brasileira de 1985 | (Foto: Divulgação)

Campeonato Brasileiro da Série C de 1992

 

Time campeão brasileiro de 1992
Time campeão brasileiro de 1992 | (Foto: Divulgação)
  

Estaduais: 

Dez Campeonatos Paraenses: 1937, 1938, 1941, 1948, 1951, 1955, 1958, 1970, 1983 e 1988.

 

Equipe campeã paraense de 1983
Equipe campeã paraense de 1983 | (Foto: Divulgação)
 


Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS