plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 25°
cotação atual R$


home
GRITA, MEU ÁGUIA!

Águia faz história, elimina Goiás e fatura R$ 2,1 milhões

Jogo válido pela Copa do Brasil foi para os pênaltis e teve drama até o fim. Azulão Marabaense teve duas chances de selar a classificação, mas acabou perdendo. No entanto, deu tudo certo

Imagem ilustrativa da notícia Águia faz história, elimina Goiás e fatura R$ 2,1 milhões camera Águia faz história, elimina Goiás e embolsa R$ 2,1 milhões | Divulgação

O Águia de Marabá fez história na Copa do Brasil. No estádio Zinho Oliveira, na cidade de Marabá, o Azulão não se intimidou com o Goiás, time da primeira divisão do futebol brasileiro, e venceu nas cobranças dos pênaltis, por 7 a 6, garantindo classificação inédita à 3ª fase do torneio nacional. No tempo normal a partida terminou empatada em 0 a 0.

Com o “alçapão” marabaense lotado, o jogo começou disputado, com as equipes jogando pra frente, buscando o gol. A primeira boa investida veio logo aos 4 minutos, quando Balão Marabá cobrou falta, obrigando o goleiro Tadeu a se esticar todo para mandar a bola pela linha de fundo. O Verdão do Planalto apresentou sua credencial aos 12, com Apodi completando jogada iniciada por Vinícius, mas sem bola na rede. Embora o dono da casa jogasse bem, o Goiás mostrava mais qualidade na articulação das jogadas.

De uma maneira geral, a partida era equilibrada. O pecado do Azulão era a precipitação nos avanços ao ataque e nos arremates ao gol defendido por Tadeu. O visitante tinha um pouco mais de volume de jogo, sendo mais incisivo ofensivamente. O Águia procurava explorar os contra-ataques, tentando pegar o Verdão de “calças curtas”. Por duas vezes seguidas, o Goiás, por intermédio de Apodi e Palácios, quase abre o placar. Antes do final do primeiro tempo, Adauto teve a chance de inaugurar o marcador, mas, aos 47, testou para fora.

As equipes voltaram para o segundo tempo com as mesmas formações da primeira etapa. Como no primeiro tempo, o jogo era parelho. Os times se atiravam ao ataque. Em duas boas investidas do visitante, Axel Lopes mostrou serviço, fazendo grandes defesas. As duas formações apresentavam, a partir dos 30 minutos, certo cansaço. As jogadas de ataque só voltaram a aparecer nos últimos minutos. O Goiás era um pouco mais presente no ataque, mas sem lances de real perigo.

O jogo chegou ao final sem gol. Nos pênaltis, Pablo, Danilo Cerqueira, David Cruz, Bruno Limão, Maicon, Luan Parede e Castro marcaram os gols do Azulão. Para o Goiás, balançaram a rede Vinícius, Lucas Halter, Felipe Ferreira, Tadeu, Sander e Sidmar. O grande herói do triunfo da equipe marabaense foi o meio-campista Castro, que marcou o gol da vitória azulina. O resultado garantiu ao Águia uma bolada de R$ 2.1 milhões. O próximo adversário do Azulão será conhecido em sorteio na CBF. E festa marabaense no Zinho.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Esporte Pará

Leia mais notícias de Esporte Pará. Clique aqui!

Últimas Notícias