Diário Online
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$
PERIGO

GO: garota de 11 anos fica ferida após ataque de piranha

Menina, de 11 anos, foi mordida na canela e levada para Santa Casa de Misericórdia de Buriti Alegre, onde recebeu curativo

domingo, 27/02/2022, 15:50 - Atualizado em 27/02/2022, 15:50 - Autor: Com informações de Metrópoles

Google News

A mãe da menina disse que a filha sentiu muita dor quando foi atacada
A mãe da menina disse que a filha sentiu muita dor quando foi atacada | Foto: Reprodução

Em dias de feriados prolongados, normalmente a família se reúne para passear ou viajar e ter alguns dias de descansos. No entanto, é preciso ter cuidado redobrado ao tomar banho nas praias, lagos e igarapés, seja com relação a afogamentos ou com relação a ataques de animais aquáticos.

Esse tipo de acidente acaba causando transtornos desagradáveis na viagem. Foi o que aconteceu com a filha de 11 anos de Walkiria Katia Lemos, 48 anos, que acabou sendo ferida na perna ao ser atacada por uma piranha na parte rasa do Lago das Brisas, ponto turístico da cidade de Buriti Alegre, no sul de Goiás, a 185 km da capital.

Walkiria diz que a filha gritou de dor ao ser mordida, enquanto tirava uma foto. “Saímos para dar uma volta na prainha. Minha filha estava de sapato aquático, que protege as superfícies, mas a piranha a mordeu na canela. Ela gritou de dor. Não imaginei que aconteceria isso porque frequentamos o local há anos”, afirma a mãe da criança ao portal Metrópoles.

Grito de dor

A mãe da menina disse que ficou bastante assustada no momento em que a filha gritou de dor. A mulher levou a menina para a Santa Casa de Misericórdia de Buriti Alegre, onde recebeu atendimento médico e curativo.

A mulher disse que recebeu ajuda de pessoas que estavam em uma lancha ao lado para levar a filha ao hospital. Ela não chamou o Corpo de Bombeiros.

Ela também reclamou que não há sinalização apontando o risco de ataque de piranhas no local. Ela disse que as pessoas precisam ser alertadas sobre o perigo.

Em nota, a Prefeitura de Buriti Alegre informou que está tomando todas as providências possíveis e trabalhando em conjunto com o Corpo de Bombeiros para orientações.

Além disso, o município informou que pescas predatórias e a forma incorreta de descarte de lixo têm prejudicado o controle da superpopulação das piranhas.

Outros ataques

No dia 2 de janeiro, um menino de 10 anos perdeu o dedinho do pé direito após ser atacado por piranha na prainha do Lago das Brisas. O pai da criança também disse que não havia sinalização no local para alertar sobre o perigo de piranhas no lago.

No mesmo mês, um homem de 52 anos também perdeu parte do dedo ao ser atacado por piranhas no lago. O morador estava com a família no local. Ele teve que passar por uma cirurgia para reconstrução do membro.

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS