Diário Online
Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
ATROPELAMENTOS

Criança e motociclista morrem na Centenário e na BR-316

Graves acidentes vêm chamando atenção pela recorrência na Grande Belém.

sábado, 25/09/2021, 10:29 - Atualizado em 25/09/2021, 14:17 - Autor: Diário Online


vítimas foram atropeladas e não resistiram.
vítimas foram atropeladas e não resistiram. | Reprodução

Acidentes graves e atropelamentos vêm chamando atenção pela constância na Grande Belém. As ocorrências, que recorrentemente estão sendo noticiadas na imprensa, alertam para um grande problema: a imprudência no trânsito. 

Exclusivo: motorista fala sobre noite de acidente em Nazaré

Vídeo mostra momento exato da colisão na avenida Nazaré

A manhã deste sábado (25) foi marcada por dois graves acidentes. Um na rua Lameira Bitencourt, próximo da avenida Centenário, em Belém e o segundo no KM 19 da BR-316, em Benevides, sentido Castanhal. As vítimas não resistiram após serem atropeladas. 

No acidente da Centenário, a vítima foi uma criança de 12 anos. O menino tentava atravessar a rua acompanhado da mãe, quando foram atingidas pela caçamba. A criança, que morreu no local, é filho de um policial militar. Já a mãe, foi socorrida para um hospital. Não há informações sobre o seu estado de saúde.

Segundo testemunhas, o motorista alegou que o veículo estava sem freio. Revoltados, moradores atearam fogo no veículo. O motorista foi conduzido para a seccional urbana da Marambaia para prestar esclarecimentos.

Já na BR-316, a vítima foi um motociclista. Não há informações sobre as circunstâncias do acidente.

Em nota ao Dol, a Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém  (SeMOB) informa  que foi acionada para dar atendimento a um atropelamento  ocorrido  na Centenário com a Lameira Bittencourt. O trânsito  foi interditado na Avenida Centenário com a Augusto Montenegro para possibilitar o trabalho  da perícia. Agentes da SeMOB  orientaram o trânsito  no local.

A Polícia Militar também informou que o Centro Integrado de Atenção Psicossocial da PM (Ciap) presta apoio à família da vítima, filha de um policial militar. O Corpo de Bombeiros Militar do Pará e Coordenadoria Estadual de Defesa Civil também se posicionaram sobre o caso confirmaram as informações previamente apuradas pelo Dol. 

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS