Diário Online
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$
INCÊNDIO CRIMINOSO

Homem é preso por atear fogo na casa da ex

Crime teria sido cometido na madrugada do último domingo (8), em Itaituba. A vítima ficou apenas com as roupas do corpo.

terça-feira, 10/05/2022, 14:03 - Atualizado em 10/05/2022, 14:02 - Autor: Com informações Giro Portal

Google News

Arlene Silva perdeu tudo no incêndio provocado por ex-companheiro.
Arlene Silva perdeu tudo no incêndio provocado por ex-companheiro. | (Foto: Reprodução)

De acordo com o artigo 250 do Código Penal brasileiro, o crime de incêndio constitui-se no ato de “causar incêndio, expondo a perigo a vida, a integridade física ou o patrimônio de outrem”, com previsão de pena de reclusão, que pode ir de três a seis anos, além de multa. Caso o incêndio tenha sido provocado em casa habitada ou destinada à habitação, a pena pode atingir até oito anos de prisão.

Esta é a situação de um homem detido pela Polícia Militar, no município de Itaituba, apontado como o autor do ataque incendiário à casa da ex-mulher. O casal já estava separado há cerca de três anos e mantinha um relacionamento amigável, segundo depoimento da própria vítima.

LEIA TAMBÉM:

Descarga elétrica mata homem enquanto carregava celular

Vídeo: ônibus é tomado por fumaça e passageiros fogem

O incêndio ocorreu na madrugada do último domingo (8), na rua das Flores, bairro Bom Jardim, daquela cidade do sudoeste do Pará, provocando a destruição total dos móveis e eletrodomésticos presentes na residência e parcial da estrutura do imóvel, incluindo parte do telhado.

De acordo com a denúncia feita por Arlene Oliveira Silva, o autor seria seu ex-companheiro, identificado apenas como José Luís. Segundo a vítima, ainda na noite de sábado (7), ele esteve na casa dela. Após forçar a entrada, o homem quebrou alguns objetos e deixou o local. No entanto, já na madrugada de domingo, retornou para atear fogo no imóvel. No momento da ação criminosa, não havia ninguém na casa.

Arlene alegou desconhecer quais os motivos que levaram seu ex-companheiro a colocar fogo em sua casa. Segundo ela, desde a separação há aproximadamente três anos, os dois vinham mantendo um relacionamento amigável. "De uma hora para outra, ele bebeu, não sei o que aconteceu, e fez essa loucura aqui", declarou.

Circulam nas redes sociais inúmeros vídeos que mostram a destruição do imóvel causada pelo fogo. A vítima, que ficou apenas com a roupa do corpo, agora pede ajuda dos órgãos de Defesa Civil e da comunidade.

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS