plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 28°
cotação atual R$


home
AUXÍLIO

Estado leva ação humanitária a cidades atingidas pela seca

Cestas de alimentos e água potável foram distribuídas para minimizar a situação em 15 municípios das regiões do Baixo Amazonas e Tapajós

Imagem ilustrativa da notícia Estado leva ação humanitária a cidades atingidas pela seca camera A vice-governadora Hana Ghassan lidera a força-tarefa que tem a missão de atender as famílias atingidas pelo fenômeno no território paraense | (Bruno Carachesti/Ag. Pará)

O envio da ajuda humanitária partiu de Santarém, no oeste paraense, nesta quinta-feira (19). A força-tarefa liderada pela vice-governadora, Hana Ghassan, é uma iniciativa do governo do Pará para minimizar os impactos da seca em 15 municípios das regiões do Baixo Amazonas e Tapajós.

“Em um primeiro momento são 5 mil cestas e 5 mil galões de água para distribuir para os 15 municípios da região. Estamos monitorando e vamos continuar com as ações do governo do Estado para tentar minimizar a estiagem dos rios. Todos os municípios que solicitarem serão atendidos pelo governo do Pará. Seguiremos trabalhando para atender todos que estiverem em situação similar”, declarou a vice-governadora, Hana Ghassan.

As cidades que pediram apoio sofrem com a grave estiagem dos rios na região oeste do Pará. A seca está impossibilitando a navegação de embarcações e a chegada de mantimentos nas áreas mais afastadas, como o município de Juruti, no extremo oeste do Pará. O território estadual está sob a influência do fenômeno climático El Niño, que altera a circulação dos ventos e reduz a frequência e o volume das chuvas na região amazônica.

Conteúdos relacionados

LOGÍSTICA

A Secretaria de Estado de Transportes (Setran), em parceria com o Corpo de Bombeiros e Defesa Civil, fez uma inspeção técnica no terminal hidroviário de Santarém, que recebe embarcações de diversos municípios da região, para avaliar o cenário e a logística do transporte pelo rio.

“A gente pode perceber que com a estiagem do Rio Tapajós, tivemos uma baixa de lâmina de água, onde o transporte atraca, garantindo direito de ir e vir da população, o escoamento da produção e o abastecimento de municípios, principalmente do Lago Grande, em Juruti, Terra Santa, Faro, e da Calha Norte, onde nós temos Óbidos, Oriximiná, Prainha e Monte Alegre.

Então, de forma preventiva estamos visualizando soluções técnicas para não haver colapso nem desabastecimento nesses municípios e consequentemente o isolamento dessas cidades”, explicou Adler Silveira, secretário de Estado de Transportes.

Quer saber mais notícias sobre o Pará? Acesse nosso canal no Whatsapp

PARA ENTENDER

CredCidadão

- A primeira iniciativa concede linha de microcrédito com juros baixos, no máximo de 1% ao mês, e pode ser renovada. Voltado para microempreendedores formais e informais, o programa concede até R$ 5 mil por beneficiado, em condições especiais.

- Já o Credcidadão Mototaxista Pai D’Égua é uma novidade destinada a mototaxistas e fornece acesso a crédito rápido, acessível e adequado para fortalecer a atividade exercida por esses profissionais no Pará. Esta entrega feita em Barcarena para a Associação de Mototaxistas da cidade foi a primeira correspondente a esse público específico.

- “A orientação do governador é que a Credcidadão onde fato chegue a quem precise de oportunidade do crédito convencional e também para outras categorias - e a dos mototaxistas é uma de grande importância para ao estado”, avaliou o presidente do Credcidadão, Braselino Assunção.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Notícias Pará

Leia mais notícias de Notícias Pará. Clique aqui!

Últimas Notícias