Nos últimos anos, o rastreamento por GPS tornou-se um recurso muito importante para as empresas de transporte e turismo que precisam monitorar sua frotas. Mas a popularização das ferramentas de rastreamento remoto também têm sido muito útil na recuperação de veículos particulares roubados, já que é possível monitorar sua localização em tempo real, auxiliando o trabalho da polícia.

E foi graças a um desses dispositivos eletrônicos que a Polícia Militar conseguiu frustrar a ação de dois assaltantes, na noite da última segunda-feira, em Augusto Corrêa, município do nordeste do Pará. De acordo com informações preliminares, um dos suspeitos morreu e um outro ficou ferido, após trocarem tiros com agentes do Grupamento Tático Operacional (GTO).

LEIA TAMBÉM:

Vídeo: Dupla invade estabelecimento e leva dinheiro e moto

Três homens assaltam e fazem reféns em lotérica no Pará 

Tudo aconteceu depois que dois assaltantes roubaram uma motocicleta e um aparelho celular. Uma guarnição da Polícia Militar atendeu ao chamado e, como o veículo era monitorado remotamente, conseguiu localizar a dupla rapidamente. Na tentativa de escapar da prisão, os suspeitos invadiram as dependências da Escola Municipal Professora Cecília Brito Lobão, localizada no bairro do Espírito Santo.

Com o auxílio de uma equipe do GTO e de outras guarnições da PM, os policiais cercaram o quarteirão da unidade escolar. Durante a varredura no local, os assaltantes tentaram escapar saltando para o quintal de uma residência que fica nos fundos da escola. Nesse momento, foi desencadeado um tiroteio que terminou com um dos supostos ladrões morto no local e outro ferido.

Inicialmente, o suspeito baleado foi encaminhado para o hospital da cidade. Após receber os primeiros socorros, ele foi conduzido até a delegacia de Polícia Civil de Augusto Corrêa, onde foi autuado em flagrante e colocado à disposição da Justiça. Informações preliminares indicam que os dois criminosos seriam moradores de Bragança.

Durante a ação, um grande número de curiosos acompanhou o cerco policial. O momento mais tenso foi justamente o desfecho da ação, quando um dos suspeitos foi visto subindo no telhado de uma residência e acabou trocando tiros com os militares.

VEJA O VÍDEO:

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS