Equipes da Polícia Civil deram cumprimento na última terça-feira (11) a um mandado de busca e apreensão após denúncia anônima contra uma mulher investigada pelo exercício ilegal da Medicina, em Salvaterra, no Marajó. 

Segundo os agentes, a suspeita está sendo investigada pelos crimes de exercício ilegal da medicina e falsidade ideológica e atuava na clínica sem ter realizado o Revalida (exame de revalidação dos diplomas de médicos que se formaram no exterior e querem atuar no Brasil).

Quer mais notícias sobre Polícia? Acesse nosso canal no WhatsApp

No local foram apreendidos documentos com assinaturas e carimbos no nome da investigada, além de receituários para exames e aparelhos celulares contendo agendamento de consultas particulares e afins.

Após investigações realizadas com ofícios, campana, levantamento de campos e afins, foi verificada a possibilidade do cometimento de tais crimes. A busca e apreensão, foi então deferida pelo Ministério Público e cumprida pela PC. O material apreendido foi encaminhado para a perícia e as investigações continuam para esclarecer o caso.

MAIS ACESSADAS