Na região oeste do Pará, a 38 quilômetros de Santarém, está o pequeno vilarejo de Alter do Chão. A comunidade tem hoje pouco mais de seis mil habitantes e é banhada pelo rio Tapajós, que corta o estado do Pará e deságua no Rio Amazonas. Inclusive, Alter do Chão é considerado um dos lugares mais belos do mundo.

Vídeo: jacaré é capturado em praia de Alter do Chão

Conhecido como caribe amazônico, as águas transparentes e mornas do Tapajós impressionam quem chega. O rio ganha diversas cores: pode ser rosado, cor de ouro ou azul da cor do céu.

No entanto, as águas do rio voltaram a subir com mais intensidade nos últimos dias, preocupando os moradores da região. 

Na tarde deste sábado (23), a cheia deixou as barracas da praia totalmente submersas.

No ano passado, neste mesmo período, o nível do Tapajós em Santarém era de 3,20 metros. 

Dados da Defesa Civil mostram que a medição de hoje apontou que Santarém está 1,86 metros acima da marca de 2021.

Veja:

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS