Diário Online
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
23°
cotação atual R$
EM SE PLANTANDO TUDO DÁ...

"Motel ao ar livre" bomba em Santa Catarina e cria polêmica

A praia do Pinho é conhecida pela prática de atividade de naturismo, mas agora está se tornando quase um "motel" ao ar livre...

terça-feira, 07/09/2021, 11:05 - Atualizado em 07/09/2021, 13:45 - Autor: Com informações do portal ND Mais

Google News

Imagem ilustrativa da notícia "Motel ao ar livre" bomba em Santa Catarina e cria polêmica
| Reprodução/Arquivo ND

Nos últimos anos, o estado de Santa Catarina se tornou um dos principais destinos de paraenses, sejam como turistas, seja em busca de oportunidades e uma "nova vida".

Entre as 295 cidades catarinenses, uma das mais atraentes é Balneário Camboriú, uma pequena zona sul do Rio de Janeiro ou "Dubai Brasileira", como se (auto)denomina.

Sexo na praia: evite problemas ao transar na areia e no mar

Sem tempo? Confira as melhores posições para fazer sexo 'rapidinho'

Na cidade, a praia do Pinho é um dos pontos turísticos mais procurados em todo o país. Cercado por morros e muita mata nativa, o local é conhecido pela prática da atividade de naturismo. Além da possibilidade de se andar nu, o espaço acabou virando um espaço de encontro sexual e uso de drogas ilícitas. 

Para frequentar a praia, os turistas precisam cumprir algumas regras, inclusive a proibição de prática sexual no local, para que o mesmo não se torne um "motel ao ar livre" - apesar de de ter praticamente se tornado.


Assim, mesmo com todas as restrições, alguns frequentadores têm se incomodado com o desrespeito às regras. Algumas pessoas usam a área para a prática de sexo e uso de drogas ilícitas. 

“No caminho você encontra, além de pessoas sozinhas paradas na trilha, muitos pacotes de preservativos usados. Já na praia pessoas tendo relações sexuais”, disse uma testemunha que preferiu não ser identificada.

REAÇÃO

A Guarda Municipal de Balneário Camboriú é responsável pelas fiscalizações. Os agentes afirmam que o atendimento às infrações é feito de acordo com a denúncia dos próprios frequentadores da praia. 

O caminho que leva até a faixa de areia da praia está coberto por camisinhas usadas e embalagens de preservativos, o que evidencia que o local se tornou um "motel ao ar livre". 

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS