Diário Online
Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
23°
cotação atual R$
PERIGOSO E DOLOROSO

Médico chama esquadrão antibomba a paciente com bala no ânus

A equipe médica atendeu o rapaz, mas, na dúvida se o projetil poderia oferecer risco a todos, acionou o esquadrão antibombas das forças de segurança britânica nessa quarta-feira (1).

sexta-feira, 03/12/2021, 19:53 - Atualizado em 03/12/2021, 20:03 - Autor: Com informações do The Sun


Bala de canhão retirada do reto de paciente
Bala de canhão retirada do reto de paciente | Reprodução Youtube

Os médicos do Hospital Real de Gloucestershire, na Inglaterra, viveram momentos de pânico após um paciente entrar no local com uma bala de canhão enfiada no ânus.

A equipe médica atendeu o rapaz, mas, na dúvida se o projetil poderia oferecer risco a todos, acionou o esquadrão antibombas das forças de segurança britânica na última quarta-feira (1º).

À equipe, o homem contou que escorregou e caiu no objeto, que tem 17cm de comprimento e 6cm de largura, que faz parte de uma coleção de itens militares diversos que tem. 

O Ministério da Defesa inglês confirmou que uma equipe de descarte de explosivos foi encaminhada ao local. O caso foi registrado pela polícia como “um paciente com munição no reto”. Especialistas detalharam que a munição é um projétil 57mm da Segunda Guerra Mundial, que era disparado por canhões. 

"Como acontece com qualquer incidente envolvendo munições, os protocolos de segurança relevantes foram seguidos para garantir que não houvesse risco para pacientes, funcionários ou visitantes em qualquer momento", disse um porta-voz do hospital na quinta-feira (2).

O paciente afirmou que limpava a casa quando encontrou o projétil de canhão e o deixou no chão. Pouco depois, ele escorregou e, o objeto, entrou no ânus dele, segundo a versão apresentada. Logo após, ele buscou ajuda médica.

"Era um pedaço de chumbo pontudo e grosso, projetado para atravessar um tanque. É basicamente um pedaço de metal inerte, então não havia risco de vida”, definiu um dos integrantes do 11º Regimento de Descarte de Artilharia Explosiva, que atendeu à ocorrência. O jornal “The Sun” reportou que o homem teve alta e deve se recuperar em breve.

 

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS