DOL Carajás
Cidades / Marabá
ATINGIR A META

Postos de saúde de Marabá atenderão à noite para vacinação

Serão sete unidades que funcionarão no período noturno

sexta-feira, 06/05/2022, 15:57 - Atualizado em 06/05/2022, 15:56 - Autor: Com Informações PMM

Google News

A meta é vacinar 60.923 mil pessoas contra Influenza e 26.408 mil pessoas contra Sarampo
A meta é vacinar 60.923 mil pessoas contra Influenza e 26.408 mil pessoas contra Sarampo | Aline Nascimento / PMM

Para conseguir atingir a meta de vacinação contra a gripe e sarampo, a Secretaria Municipal de Saúde de Marabá vai estender o horário de atendimento nas unidades de saúde até às 22 horas. 

Serão dois dias, na segunda-feira (9) e terça-feira (10), ocasião sete Unidades Básicas de Saúde, na zona urbana de Marabá, terão os horários estendidos. São elas: Mariana Moraes (Km 07) e Hiroshi Matsuda (Folha 11), na Nova Marabá; Jaime Pinto, Belo Horizonte e da Laranjeiras; João Batista Bezerra, no Bairro Santa Rosa, na Marabá Pioneira; Amadeu Vivácqua, São Félix e Carlos Barreto, Morada Nova.

O público-alvo para a vacinação contra o sarampo são os profissionais de saúde e crianças de 6 meses a menores de 6 anos. Para a Influenza, o público-alvo são crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes e puérperas, pessoas com deficiências permanentes e comorbidades, caminhoneiros, trabalhadores do transporte coletivo rodoviário, membros das forças de segurança e forças armadas e professores. A meta é vacinar 60.923 mil pessoas contra Influenza e 26.408 mil pessoas contra Sarampo.

Veja também:

Comércio de Marabá espera um crescimento de 16% nas vendas 

Marabá intensifica ações de combate à dengue

“A Influenza a gente vê que a cada ano aparece uma nova cepa para a gente fazer imunização, é um vírus que fica proliferando no ambiente, então precisamos fazer a imunização para que não evolua para uma forma grave dessas gripes. O sarampo era uma doença que estava erradicada dentro do Brasil, mas tivemos alguns casos dentro do nosso Estado, e a gente não quer essa doença dentro do nosso município. Pedimos que a população compareça para vacinar as crianças e os profissionais também”, explica Sheila Macedo, Diretora do Departamento de Atenção Básica da SMS.

Vale ressaltar que a vacinação está disponível normalmente em todas as demais Unidades Básicas de Saúde.


Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS