DOL Carajás
Cidades / Tucuruí
ENCHENTE

Cerca de 100 famílias devem ser atingidas em Tucuruí

Defesa Civil emitiu alerta aos moradores dos bairros Matinha e Beira Rio

quarta-feira, 05/01/2022, 11:28 - Atualizado em 05/01/2022, 11:52 - Autor: Com Informações de Denis Aragão


Agentes já estão em campo realizando as orientações para as comunidades da Matinha, bairro historicamente sempre mais atingido pela cheia do Rio Tocantins
Agentes já estão em campo realizando as orientações para as comunidades da Matinha, bairro historicamente sempre mais atingido pela cheia do Rio Tocantins | Divulgação Prefeitura de Tucuruí

O nível do Rio Tocantins deve chegar até a próxima sexta-feira (7) a 13, 25 metros em Marabá e a 9,90 metros em Tucuruí, conforme divulgou a Eletronorte que desde segunda-feira vem realizando a abertura gradual das comportas do vertedouro da Usina Hidrelétrica Tucuruí. 

Em Marabá, cerca de 200 famílias já foram atingidas pela cheia e com a previsão de alagamentos na parte baixa da cidade, a Defesa Civil do município emitiu um alerta aos moradores dos bairros Matinha e Beira Rio. A Prefeitura já iniciou os trabalhos de construção dos abrigos para receber os atingidos pela cheia.     

O coordenador da Defesa Civil em Tucuruí, Anderson Cleyton, explica que os agentes já estão em campo realizando as orientações para as comunidades da Matinha, bairro historicamente sempre mais atingido pela cheia do Rio Tocantins. Os alertas estão sendo feitos para que os moradores nas áreas de maior impacto tomem as providências e se antecipem.

O remanejamento dos atingidos será feito quando o rio atingir o nível de 8,50 metros, o que já pode ocorrer nesta quarta-feira (5), conforme as previsões do Boletim Informativo de Vazões e Níveis do Rio Tocantins, divulgado diariamente pela Eletronorte, como forma de auxiliar as tomadas de decisões das autoridades e órgãos de assistência em cada município.

As chuvas acima do normal têm elevado o nível do Rio Tocantins de forma rápida e por isso foi feita a abertura antecipada do vertedouro da Usina em Tucuruí. Hoje, das 23 comportas já estão abertas 18 e a previsão é que até o final do desta quarta-feira (05) mais duas tenham de ser abertas.

A abertura está sendo feita de forma gradual, de acordo com o gerente do Centro de Operação da Geração Hidráulica, Wanderley Santos. “O objetivo é causar o mínimo de impacto aos ribeirinhos”, explica o gerente.

VEJA TAMBÉM:

Nível do rio Tocantins pode chegar a 13 metros até sexta

Suspensa a construção de novos abrigos na Marabá Pioneira

Abertura de comportas em Tucuruí põe fim a boatos

Contatos

A Defesa Civil em Tucuruí colocou à disposição da população dois números de telefone - (94) 98106-5004 e (94) 99252-1211, que funcionarão 24h. A medida é necessária para que a população possa acionar o órgão em caso de emergência.

Paulo Bonieck, secretário de Apoio a Segurança Pública do município, explica que estão sendo feitos os preparativos para que seja feita a remoção das famílias ainda na primeira quinzena de janeiro.

As famílias atingidas pela enchente ficarão alojadas no Parque de Exposições de Tucuruí. Técnicos da Vigilância Sanitária já fizeram a visita no local e a Prefeitura já iniciou as ações para construir os abrigos provisórios.

 

Preparativos para que as famílias sejam removidas para abrigos provisórios
Preparativos para que as famílias sejam removidas para abrigos provisórios | Divulgação Prefeitura de Tucuruí
O plano de ação prevê atendimento para cerca de 100 famílias que poderão ser atingidas pela cheia do rio Tocantins. Conforme explica o secretário, essas famílias já foram visitadas pelas equipes da Defesa Civil e da secretaria de Assistência Social e estão dentro do pré-cadastro para o controle e distribuição de ajuda social durante o período chuvoso.

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS