plus
plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Edição do Dia
Previsão do Tempo 26°
cotação atual R$


home
A PARTIR DE SEXTA-FEIRA

Petrobras reduz preço da gasolina para distribuidoras 

Com a queda do preço, o litro passará a custar R$ 2,66 para as distribuidoras de combustíveis

twitter Google News
Imagem ilustrativa da notícia Petrobras reduz preço da gasolina para distribuidoras  camera A estatal reduzirá em R$ 0,13 por litro o seu preço médio de venda de gasolina A | Reprodução

A Petrobras anunciou nesta quinta-feira (15) uma nova redução do preço da gasolina para as distribuidoras, válida a partir da próxima sexta (16).

A estatal reduzirá em R$ 0,13 por litro o seu preço médio de venda de gasolina A, que passará a ser de R$ 2,66 por litro, ou uma baixa de 4,66%.

Considerando a mistura obrigatória de 73% de gasolina A e 27% de etanol anidro para a composição da gasolina comercializada nos postos, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor será, em média, R$ 1,94 a cada litro vendido na bomba.

Mantidas as parcelas referentes aos demais agentes conforme a pesquisa de preços da ANP para o período de 4 a 10 de junho, o preço médio ao consumidor final poderia atingir o valor de R$ 5,33 por litro, afirma a companhia em comunicado.

“Destaca-se que o valor efetivamente cobrado ao consumidor final no posto é afetado também por outros fatores como impostos, mistura de biocombustíveis e margens de lucro da distribuição e da revenda”, lembra a estatal.

A petroleira ainda afirmou que a redução do preço tem como objetivos principais a manutenção da competitividade dos preços da companhia frente às principais alternativas de suprimento dos seus clientes e a participação de mercado necessária para a otimização dos ativos de refino em equilíbrio com os mercados nacional e internacional.

“Ciente da importância de seus produtos para a sociedade brasileira, a companhia destaca que na formação de seus preços busca evitar o repasse da volatilidade conjuntural do mercado internacional e da taxa de câmbio, ao passo que preserva um ambiente competitivo salutar nos termos da legislação vigente”, finalizou.

LEIA TAMBÉM:

+ Nascidos em setembro e outubro já podem sacar o PIS ou Pasep

+ Milhões ainda têm dinheiro esquecido nos bancos e não sabem

Esta é a segunda mudança de preços da gasolina desde que a Petrobras anunciou o fim da política de paridade de importação (PPI).

Segundo o Credit Suisse, o ajuste de preço para baixo era inesperado neste momento. “Vemos agora os preços da gasolina negociando 8% abaixo da paridade de importação (cerca de R$ 0,21 o litro) e o diesel 3% abaixo (cerca de R$ 0,10 o litro).

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

    Mais em Brasil

    Leia mais notícias de Brasil. Clique aqui!

    Últimas Notícias