DOL Carajás
Notícias / Polícia
MISTÉRIO

Corpo de homem é encontrado em estado de decomposição

O cadáver estava vestido apenas com uma cueca e sem documentos pessoais e jogado dentro de um igarapé

sexta-feira, 03/12/2021, 15:07 - Atualizado em 03/12/2021, 15:07 - Autor: Portal Cidade de Tucuruí

Google News

O cadáver estava vestido apenas com uma cueca e sem documentos pessoais e jogado dentro de um igarapé
O cadáver estava vestido apenas com uma cueca e sem documentos pessoais e jogado dentro de um igarapé | Divulgação

Um corpo encontrado em um lugar isolado ou distante chama sempre a atenção de populares ou da pessoa que por acaso o encontra. Quando o corpo está em decomposição a situação é mais tenebrosa em virtude das mudanças ocorridas no corpo, além do forte cheiro que chega a causar náuseas em algumas pessoas.

Pois este é o cenário de mais um crime a ser desvendado pela Polícia na zona rural do município de Novo Repartimento, município vizinho a Tucuruí no sudeste paraense.

Moradores da região Trevo do Índio encontraram o corpo de um homem em um lugar longe do centro da área. O cadáver em estado de decomposição foi encaminhado ao IML de Tucuruí. Em procedimento padrão, a Polícia Civil abriu inquérito para investigar a morte.

Veja também:

Dono de mercadinho é executado enquanto jogava sinuca em bar

Homem que fugiu do hospital para estuprar criança é preso

Acusado de atropelar Maykon Douglas é soldado do Exército

O cadáver estava vestido apenas com uma cueca e sem documentos pessoais e jogado dentro de um igarapé. A localidade fica a cerca de 200 quilômetros da cidade de Novo Repartimento. A distância e a dificuldade para chegar ao local dificultou a remoção do cadáver, que ocorreu somente na tarde da última terça-feira (30). Para tentar identificar quem é a vítima foram divulgadas imagens de uma aliança e tatuagem de um escorpião estampada no corpo da vítima.

 

O cadáver em estado de decomposição foi encaminhado ao IML de Tucuruí.
O cadáver em estado de decomposição foi encaminhado ao IML de Tucuruí. | Reprodução
 

As informações sobre a motivação da morte ainda são escassas. Até o momento sabe-se que a vítima residia há poucos dias na região do Trevo do Índio e que seria conhecido como Clayton. Ali, segundo os moradores não mora familiares nem amigos da vítima, o que dificultou a identificação do cadáver e também a autoria do assassinato.

A autoridade policial de Novo Repartimento trabalha por meio de um inquérito para confirmar a identificação da vítima e também quem o matou.

 

Até o momento sabe-se que a vítima residia há poucos dias na região do Trevo do Índio e que seria conhecido como Clayton
Até o momento sabe-se que a vítima residia há poucos dias na região do Trevo do Índio e que seria conhecido como Clayton | Reprodução
 



Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS