plus
plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Edição do Dia
Previsão do Tempo 30°
cotação atual R$


home
CEM ANOS DE PERDÃO?

Vídeo: ladrão morre ao ser baleado por vítima de assalto

O homem achou que se daria bem em tentar assaltar um homem mas a vítima estava legalmente armada e atirou no suspeito

twitter Google News
Imagem ilustrativa da notícia Vídeo: ladrão morre ao ser baleado por vítima de assalto camera Marcos Assis da Silva tentou assaltar mas acabou levando tiro | Divulgação

Dizem que ladrão que rouba ladrão tem 100 anos de perdão. Mas e se a vítima revida e ataca o assaltante, será que o dito vale? Logicamente que não, afinal a reação neste tipo de caso não é recomendado.

O Código Penal define o assalto a mão armada, previsto no Art. 157 do Código Penal como “Subtrair coisa móvel alheia, para si ou para outrem, mediante grave ameaça ou violência à pessoa, ou depois de havê-la, por qualquer meio, reduzido à impossibilidade de resistência.

Entretanto, quando o criminoso vai para realizar um desses assaltos o que ele menos imagina é que a vítima possa reagir à investida violenta.

Foi o que aconteceu na manhã desta sexta-feira (4) em Tucuruí, município do sudeste paraense.

Veja também!

Foragido da Justiça do Mato Grosso é preso em Redenção

Vídeo: Criança de 12 anos morre atropelada na rodovia BR-230

Força-tarefa prende líder de facção criminosa atuante

Uma tentativa de assalto resultou no assaltante baleado, às proximidades do prédio do Detran em Tucuruí.

Um vídeo com a situação foi registrada por aparelho celular.

VEJA!

O homem achou que se daria bem em tentar assaltar um homem mas a vítima estava legalmente armada e atirou no suspeito DOL CARAJÁS

O suspeito que estava em posse de uma arma de fogo, um revólver "calibre 38", aproveitou o pouco movimento na rua para abordar uma das vítimas que estava em frente a um escritório. Ele só não esperava a maré de azar que estava por enfrentar. A vítima estava armada, e decorrente da ação criminosa, houve uma reação que resultou em ferimento do indivíduo.

O suspeito baleado é Marcos Assis da Silva. O mesmo foi socorrido por uma equipe do SAMU e encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (Upa). Marcos não resistiu aos ferimentos e evolui a óbito. A arma do cidadão é legalizada que reagiu em legítima defesa à injusta agressão.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

    Mais em Polícia

    Leia mais notícias de Polícia. Clique aqui!

    Últimas Notícias