Diário Online
Dino
Dino

Novos tratamentos ajudam a levantar o rosto sem cirurgia

terça-feira, 26/10/2021, 12:17 - Atualizado em 31/10/2021, 06:05 - Autor: DINO



Durante o período de isolamento social, os brasileiros passaram a buscar com mais frequência procedimentos estéticos minimamente invasivos. Segundo um Levantamento da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética feito este ano, constatou-se que houve um aumento de quase 50% na procura por procedimentos estéticos no início deste ano, no país, em comparação ao mesmo período de 2020, além disso uma pesquisa divulgada em 9 de dezembro de 2020 e divulgada recentemente, contatou que os procedimentos no rosto e cabeça tiveram aumento de 13,5%, em comparação a uma redução de 14,7% no ano anterior. As pessoas, por estarem mais em casa, passaram a se perceber mais e a se incomodarem com os sinais do envelhecimento.

Dentre os procedimentos minimamente invasivos, os tratamentos com fios ganham destaque no mundo da estética. Os fios que são filamentos biocompatíveis e bioestimuladores de colágeno, ganham espaço e importância no universo de combate ao envelhecimento, principalmente por promoverem o efeito de sustentação ou "lifting" na face, sem a necessidade de cirurgia invasiva.

O "lifting" não cirúrgico feito com fios já é conhecido há muitos anos, desde as épocas dos fios de ouro e fios russos. Porém, eles estão perdendo espaço para novos fios, feitos de materiais reabsorvíveis. Segundo a dermatologista Ana Carulina Moreno, além de buscar procedimentos menos invasivos, as pessoas tendem a querer tratamentos cada vez mais seguros; por isso, os novos fios são os preferidos pela classe médica e pelos próprios pacientes por serem totalmente absorvidos pelo organismo.

Os fios de sustentação são pequenos filamentos colocados por dentro da pele, com a função de promover um "levantamento" das partes "caídas", ou seja, auxiliam na sustentação e reposicionamento dos tecidos, com efeito lifting, retomando o contorno e formato do rosto perdidos, explica a especialista. Segundo ela, esses fios também atuam como bioestimuladores do colágeno, renovando e rejuvenescendo a pele, trazendo um viço e tratando a flacidez e rugas evidentes.

Mas é importante salientar que o resultado final do efeito "lifting" dos fios de sustentação não é igual ao do Lifting Cirúrgico, pois seu poder de tração é limitado e deve ser bem indicado, segundo a médica. Por outro lado, é um procedimento que não deixa cicatrizes e não tem downtime de recuperação, podendo ser uma ótima alternativa para aqueles que não querem se submeter a cirurgias invasivas. Esse alinhamento de expectativa é a parte mais importante da avaliação, antes do procedimento.

Quando bem indicado e feito por especialista experiente, com bom conhecimento em anatomia facial, o tratamento com fios tem risco pequeno de complicações e os resultados são muito satisfatórios, podendo durar cerca de 1 ano, dependendo do produto escolhido, afirma a dermatologista. E, apesar de um resultado imediato já acontecer, por serem bioestimuladores de colágeno, os melhores resultados vão surgindo gradativamente e de forma bem natural.

Para saber mais sobre Fios de PDO, basta acessar: Tudo sobre Tratamentos com Fios de PDO

Dra. Ana Carulina Moreno é Dermatologista pela SBD e Especialista em  HarmonizaçãoRejuvenescimento Facial no Rio de Janeiro.
SITE: https://www.carumoreno.com.br/
INSTAGRAM: https://www.instagram.com/dra.carumoreno/
WHATSAPP: (21) 99625-6065      TELEFONE (21) 2132-7303
ENDEREÇO: Avenida Embaixador Abelardo Bueno, 01, Bloco Lagoa 1, Loja 162, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ



Website:

https://www.carumoreno.com.br/
Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS