Diário Online
Dino
Dino

Centro de Pesquisas em Materiais Avançados do Technology Innovation Institute inaugura em Abu Dhabi o primeiro laboratório de impacto da região MENA

quinta-feira, 03/03/2022, 13:54 - Atualizado em 03/03/2022, 17:49 - Autor: DINO

Google News

O Technology Innovation Institute (TII), centro de pesquisas global e pilar de pesquisas aplicadas do Conselho de Pesquisas Tecnológicas Avançadas (Advanced Technology Research Council, ATRC) de Abu Dhabi, anunciou hoje a inauguração do Laboratório de Impacto de seu Centro de Pesquisas em Materiais Avançados (Advanced Materials Research Center, AMRC). O novo projeto representa o primeiro desse tipo na região do Oriente Médio e Norte da África (MENA) e proporciona uma plataforma ideal para testar materiais, laminados e compósitos de última tecnologia.

Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: https://www.businesswire.com/news/home/20220227005027/pt/

Projectile Launcher (Gas Gun) - unique to the region (Photo: AETOSWire)

Projectile Launcher (Gas Gun) - unique to the region (Photo: AETOSWire)

O laboratório de ponta está bem alinhadoàvisão do AMRC de levar materiais avançados a um estágio em que estejam prontos para a transição do laboratório para a indústria. Os testes são realizados nos mais diferentes ambientes de impacto que avaliam estruturas em suas velocidades, temperaturas e taxas de absorção de energia. Os modernos equipamentos serão utilizados para avaliar os comportamentos dos materiais que ajudam a desenvolver soluções inovadoras.

Com a capacidade de caracterizar materiais metálicos, poliméricos, cerâmicos e compostos em diferentes velocidades dentro de protótipos com aplicações reais, os principais resultados em que o laboratório trabalha atualmente vão ajudar a evitar o estraçalhamento de exploradores espaciais e criar capacetes, para-choques, pneus e baterias de veículos capazes de suportar explosões, para destacar apenas alguns dos benefícios. Estruturas leves inovadoras projetadas para absorver energia de impacto também podem ser utilizadas em capacetes de motociclistas de esporte ou passeio, e também em situações de montaria. A equipe de pesquisa do AMRC atribui essas descobertas às ciências de impacto e materiais.

Ao reconhecer a equipe do AMRC por sua conquista, o Dr. Ray O. Johnson, CEO do TII, declarou: “Esse é um feito extremamente estimulante para iniciar o novo ano. Temos a certeza de que nossos centros de pesquisa seguirão obtendo conquistas similares, uma inovação de cada vez. No TII, temos o compromisso de oferecer a nossos pesquisadores um ambiente que lhes possibilite realizar projetos de pesquisa e rápidas inovações para o mercado com colaboração e propriedade exclusiva sobre suas descobertas”.

O Dr. Mohamed AlTeneiji, pesquisador chefe do Centro de Pesquisas em Materiais Avançados, afirmou: “Temos orgulho de inaugurar este laboratório. Ele é resultado de meses de planejamento e dedicação para assegurar que fosse capaz de testar novas tecnologias relacionadas a impacto de materiais, além de novos processos de fabricação. Queremos oferecer soluções tecnológicas inovadoras a empresas dos Emirados Árabes Unidos e do mundo todo, e contribuir com o desenvolvimento de propriedade intelectual e o registro de patentes para a autonomia tecnológica da região”.

O laboratório conta com diversos equipamentos tecnológicos futuristas. Por exemplo, a máquina de testes universais determina as propriedades de tensão, compressão e flexão de um material. A barra de pressão Split Hopkinson, a primeira da região, mede as propriedades de materiais durante impacto e pode ler temperaturas a uma faixa de -60 °C a 225 °C.

O lançador de projéteis por disparo de gás é também o único do Oriente Médio. Capaz de simular balística, detritos espaciais ou impactos de aves em aeronaves, esse equipamento lança uma substância similar a gás a até 1.000 m/s com impacto de alta velocidade. Já a torre de queda estuda efeitos em estruturas de materiais similares aos ocorridos em uma colisão de automóveis ou um capacete após um acidente. A máquina pode configurar impactos de até 25 m/s em um ambiente de baixa velocidade, permitindo que os pesquisadores otimizem resultados de modo a suprir necessidades de usuários e reforçar as proteções para possibilitar o amortecimento de impactos severos.

O Dr. Rafael Santiago, pesquisador chefe da equipe de absorção de energia do AMRC, observou que o Laboratório de Impacto cumpre totalmente as regulamentações de segurança internacionais e vai explorar novos materiais para analisar suas propriedades de impacto e explosão.

Sobre o Technology Innovation Institute (TII)
Saiba mais em www.tii.ae.

Conecte-se conosco nas redes sociais:
LinkedIn:
https://www.linkedin.com/company/tiiuae/
Twitter: https://twitter.com/TIIuae
Instagram:https://www.instagram.com/tiiuae/

*Fonte: AETOSWire

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Technology Innovation Institute

Sneha Sivanand

[email protected]


Fonte: BUSINESS WIRE
Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS