Diário Online
FICA NA SAUDADE

Conheça quatro curiosidades sobre "Minha Mãe é uma Peça 3"

Filme foi escolhido para ser transmitido na noite desta quarta-feira (5) no Cinema Especial da Globo

quarta-feira, 05/05/2021, 23:15 - Atualizado em 05/05/2021, 23:21 - Autor: DOL


Última obra de Paulo Gustavo estreou nos cinemas brasileiros em 2019.
Última obra de Paulo Gustavo estreou nos cinemas brasileiros em 2019. | Downtown Filmes/Divulgação

O humorista Paulo Gustavo ficará eternamente lembrado nos corações de muitos pelos seus personagens diversos e amados. Um dos mais conhecidos, sem dúvida, é Dona Hermínia do “Minha Mãe é uma Peça”, uma obra que estreou como um monólogo sobre uma mulher divorciada que tinha que aprender a lidar com o fato de que seus três filhos crescidos não precisam mais de seus excessivos cuidados maternais.

O que começou como uma singela peça para um público tímido no Rio de Janeiro  em 2010 ganhou as telonas nas salas dos cinemas brasileiros três anos depois, cultivando uma imensidão de fãs e com direito a uma trilogia. O terceiro filme da última obra cinematográfica de Paulo Gustavo estreou em 2019 e mostra a nossa já conhecida Dona Hermínia um pouco mais politizada. Em homenagem ao artista, a Globo exibiu na noite desta quarta-feira (5) o filme no Cinema Especial.

LEIA TAMBÉM:

Paulo Gustavo em Belém: relembre a passagem do humorista

Felipe Neto xinga Bolsonaro por morte de Paulo Gustavo

Confira a seguir quatro curiosidades sobre o terceiro ano do filme muito amado pelos brasileiros:

1 - Retratar a vida com o pai

No último filme do artista, Dona Hermínia precisa lidar com o fato de que o ex-marido decide viver no mesmo andar do prédio onde vive. Em entrevista, Paulo explicou que o terceiro título seria mais autobiográfico, o que o levou a contar a história de quando o próprio pai foi morar na frente da casa da mãe do ator.

2 - Casamento gay

Juliano (interpretado por Rodrigo Pandolfo) vai casar! Na história, o filho advogado da protagonista dá um novo passo na relação com o namorado Thiago (Lucas Cordeiro). A cerimônia, entretanto, não tem o beijo do casal. A decisão foi tomada pelo próprio Paulo Gustavo.

“Antes, cheguei e questionei: ‘Por que não vai ter?’. Ele falou: ‘Olha, a gente está fazendo um filme popular. A gente sabe que o Brasil tem questões [relacionadas ao beijo gay] ainda, infelizmente. O Juliano já vai se casar’. Ele não sentiu a necessidade de colocar o beijo e expor publicamente”, explicou Pandolfo.

Relembre personagens marcantes de Paulo Gustavo

3 - Piadas

O bom humor de Paulo amadureceu de uma forma muito positiva. Saem de cena as piadas preconceituosas (gordofóbicas ou homofóbicas) e entram frases de humor de Hermínia sobre envelhecimento e problemas de saúde.

“Acho que eu amadureci como ser humano. Eu vou fazendo meus trabalhos de acordo com meu jeito de ser. Eu não sou a mesma coisa que eu era. A arte ela acompanha isso ou isso que acompanha a arte”, confessou o humorista.

4 - Fofura em dose dupla

Você sabia que os filhos de Paulo Gustavo aparecem no filme? Não apenas os gêmeos Gael e Romeu, como o marido Thales Bretas também marcam presença nas telonas. A cena em questão é quando Dona Hermínia, já cansada de ficar em casa, decide se aventurar em Los Angeles, cidade da Califórnia, nos Estados Unidos.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS