Diário Online
BALANCÊ

“Arraial Virtual de Todos os Santos” ocorrerá sem público

O concurso junino teve a inscrição de 53 quadrilhas

quinta-feira, 10/06/2021, 23:20 - Atualizado em 10/06/2021, 23:19 - Autor: Wal Sarges/Diário do Pará


Uma das etapas do concurso terá gravação na sede da FCP sem público, com transmissão pela TV Cultura
Uma das etapas do concurso terá gravação na sede da FCP sem público, com transmissão pela TV Cultura | Uchôa Silva/ divulgação

A festa de São João está garantida neste ano com a realização do “Arraial Virtual de Todos os Santos”, que ocorre de forma híbrida, com mostra on-line e, num segundo momento, com apresentações na sede da Fundação Cultural do Pará (FCP), sem público.

Cantor paraense inicia quadra junina com live

Arraiá do DOL: playlist para entrar no clima das festas juninas

Tradicional nesta época do ano, o concurso junino conquistou um grande número de inscrições, em especial de quadrilhas do interior: foram, ao todo, 53 quadrilhas, de 27 cidades paraenses. 

Nesta 17ª edição do concurso participam quadrilhas de cidades como Belém, Ananindeua, Castanhal, Barcarena, Melgaço, Tucuruí, Limoeiro do Ajuru, Marabá, Vigia, Breves, Portel e Soure.

Esta é primeira versão em formato híbrido, em atenção à política estadual de prevenção contra o novo coronavírus, mas a diretora de Interação Cultural da FCP, Cláudia Pinheiro, diz que o concurso continua um sucesso, mesmo com essa necessária adaptação.

“O ‘Arraial’ é praticamente uma das marcas da Fundação. Ele é uma festa de cores e sabores que encanta do jovem ao adulto. Lamentamos muito não ter podido realizá-lo no ano passado, e passamos muito tempo pensando em como trazer a festa este ano”, comenta.

O concurso terá duas etapas: na primeira, as quadrilhas inscritas terão vídeos publicados no canal da Fundação no YouTube. Neste momento, que vai de 14 a 18 de junho, o júri técnico seleciona as 30 melhores - e o público também participa, votando em suas preferidas.

As escolhidas nesta fase terão a apresentação filmada na sede da Fundação e transmitida também por meio do perfil da FCP no YouTube. A partir daí os jurados elegem as melhores por meio de nota. A mostra final ocorrerá entre os dias 23 de junho e 4 de julho, na sede da FCP, mas sem público e com exibição pela TV Cultura.

A Quadrilha Dona Flor, que é de Tucuruí, participa pela segunda vez do concurso, mas agora diz que há um novo sabor, com o formato virtual.

“Está sendo um prazer imenso participar do ‘Arraial’ da Fundação, porque queremos mostrar nossa representatividade como quadrilhas do interior. Aqui em Tucuruí, por exemplo, a gente tem um grande número de quadrilhas, mas nem todas têm oportunidade de participar, de se deslocar para a capital”, explica o diretor e produtor artístico Richardson Gutterres.

Ele conta que a coreografia precisou se adaptar ao novo formato. “Aqui temos um estilo de quadrilha, que classificamos como folclórica e parafolclórica, abrangendo outras culturas, como indiana, árabe... A Dona Flor é uma quadrilha folclórica, ou seja, tradicional. Só que temos os aparatos, os truques, a parte cênica, então tivemos que fazer uma nova coreografia que abrangesse o modo que a gente queria mostrar a Dona Flor, que é uma coisa mais saudosista, que desse um ar nostálgico à cena”, detalha.

Eliel Lucena, diretor da quadrilha Estrela de São João, também de Tucuruí, diz que está feliz em manifestar a sua arte mesmo que em formato diferente.

“Este ano, tivemos a surpresa do concurso ocorrer em formato virtual, uma novidade pra gente, porque imaginamos que não haveria concurso. E nos preparamos enquanto grupo para estarmos participando na capital, por meio de um vídeo, uma nova modalidade. É desafiador, porque estamos acostumados a dançar para um público que interage com a gente e isso nos dá energia. Mas a gente está muito empolgado, acreditando que podemos fazer algo divertido e diferente e, assim, transmitir a mesma energia que a gente tem no evento ao vivo. Já fizemos outras apresentações on-line e o resultado é sempre muito bom”, ressalta.

ACOMPANHE

“Arraial Virtual de Todos os Santos”

Quando: Primeira etapa de 14 a 18 deste mês

Onde: Canal da Fundação Cultural do Pará no YouTube

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS