Diário Online
CASO DE POLÍCIA

Nego Di sofre racismo e registra BO na polícia

O humorista e ex-BBB afirmou que sofreu diversas ofensas por repreender um homem que dirigia enquanto falava ao celular

terça-feira, 31/08/2021, 16:15 - Atualizado em 31/08/2021, 18:09 - Autor: FOLHAPRESS


Imagem ilustrativa da notícia: Nego Di sofre racismo e registra BO na polícia
| Reprodução

Ex-participante do Big Brother Brasil 21, o humorista Nego Di, 27, disse que registrou um boletim de ocorrência contra um homem que ele acusa de racismo.

Em depoimento nas redes sociais, Di afirmou que tudo aconteceu depois de buzinar para o carro da frente enquanto o motorista estava ao celular. Porém, esse ato desencadeou uma série de ofensas.

"Quando passei do lado do carro que estava na minha frente, o cara disparou um caminhão de ofensas contra mim. Primeiro começou com uns xingamentos normais, até que me chamou de macaco e negro de m**", disse.

De acordo com Di, o fato o deixou nervoso e ele decidiu seguir o homem que tentava fugir. Mas ele conseguiu filmar o motorista e a placa do carro. Também mostrou as imagens em seu perfil e revelou o nome do acusado.

"Graças a Deus não perdi a razão e fiz coisa pior, mas confesso que é uma situação que estraga o nosso dia", emendou o comediante. O caso aconteceu em Porto Alegre (RS).

Apesar do B.O., Di não acredita que algo será feito. "Já passei por isso muitas vezes nas redes sociais e deixei para lá, mas a gente tem sim que fazer algo. Não pode deixar passar. Acabei de fazer um boletim de ocorrência e vou expor essa pessoa", finalizou.

Nego Di foi eliminado do BBB 21 com 98,76% de rejeição, índice só superado posteriormente por Karol Conká, que teve 99,17% dos votos. Ele afirma, porém, que não teve o mesmo espaço da rapper para se defender, e que vem sofrendo com as ameaças de haters.

"Nas primeiras entrevistas, eu estava pedindo autorização [da Globo], mas quando a Karol saiu, tinha um esforço da empresa para limpar a barra dela. E o jogo dela foi muito mais pesado que o meu", afirmou. Após ser eliminada, a rapper participou do Domingão do Faustão e do Fantástico.

"A minha carreira também é importante, a minha sanidade mental também é importante, mas eu não tive nenhum tipo de estrutura", disse.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS