Diário Online
TOMA, DESTRAÍDO!

Porchat chama Theo Becker de imbecil após fala polêmica

O ator não esperava levar uma invertida do humorista Fábio Porchat.

domingo, 09/01/2022, 10:51 - Atualizado em 09/01/2022, 10:51 - Autor: Com informações Splash UOL


O humorista se irritou com a publicação anti-vacina de Theo Becker.
O humorista se irritou com a publicação anti-vacina de Theo Becker. | Reprodução

O ator Theo Becker, de 45 anos, conhecido por sua participação polêmica na primeira edição de A Fazenda, voltou a ser assunto nas redes sociais apôs mais uma polêmica. 

Dessa vez, ao fazer uma publicação sobre a vacinação no combate ao coronavírus e insinuar que algumas pessoas foram "forçadas" a se vacinar. No entanto, o que o ator não esperava era levar uma invertida do humorista Fábio Porchat.

No Twitter, Theo Becker abriu uma votação para que seus seguidores votem em qual status de vacinados eles estão: "vacinado arrependido", "vacinado com medo", "vacinado forçado" ou "todas as alternativas", eram as opções.

Leia também:

Gusttavo Lima tem problema de saúde e preocupa fãs

Hadson Nery cobra R$ 200 por fotos nu e vira piada na web

Ainda no Twitter, Fábio Porchat republicou a postagem do ator, e pontuou que sua situação é a de querer que "imbecis", a exemplo de Becker, se vacinem "logo para não estragar" aqueles já receberam o imunizante contra o coronavírus.


Imunização

A vacinação contra o coronavírus é a forma mais eficaz de combater a doença e evitar a superlotação em hospitais. No Brasil, 144,2 milhões de pessoas já foram vacinados completamente contra a doença.

Ataques

Atualmente, o país debate sobre a necessidade de vacinar crianças de 5 a 11 anos. Para especialistas na área da saúde, a imunização das crianças é importante.

No entanto, a vacinação de crianças vem sendo alvo de ataques por parte de Jair Bolsonaro (PL) e de seus aliados. O mandatário já ameaçou divulgar os nomes dos técnicos da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) responsáveis por aprovar a aplicação do imunizante da Pfizer em crianças e afirmou que sua filha Laura, de 11 anos, não será vacinada.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS