plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 26°
cotação atual R$


home
DEMÊNCIA FRONTO TEMPORAL

Maurício Kubrusly perdeu a memória por causa de grave doença

Repórter que marcou a televisão brasileira com matérias especiais, tem a Demência Fronto Temporal (DFT). A mesma que acometeu o ator Bruce Willis.

Imagem ilustrativa da notícia Maurício Kubrusly perdeu a memória por causa de grave doença camera Maurício Kubrusly tem mais de 50 anos de carreira. | Divulgação

Demitido da Globo em 2019, Maurício Kubrusly vive hoje no sul da Bahia após ter sido diagnosticado com demência frontotemporal. O ex-repórter de 77 anos mora com a mulher, Beatriz Goulart, e com o cachorro, Shiva. Antes de deixar a emissora, o jornalista já estava afastado do trabalho há três anos.

O Fantástico de domingo (20) prestou uma homenagem ao veterano no episódio sobre os anos 1990 da série especial sobre os 50 anos do programa. Após uma retrospectiva do quadro Me Leva, Brasil, em que ele viajava o país mostrando histórias inusitadas, o paradeiro do jornalista foi revelado ao público.

Maurício Kubrusly perdeu a memória por causa de grave doença
📷 |

"Maurício Kubrusly deixou para trás São Paulo para mergulhar na natureza, o que tem sido um bom remédio para lidar com a Demência Fronto Temporal (DFT), que foi diagnosticado há alguns anos. A memória se foi mas, como ele sempre diz, permanece sua enorme paixão pela vida e pela gente brasileira", contou o jornalístico. A doença do comunicador é a mesma que acomete o ator Bruce Willis.

Pedro Bial enalteceu o trabalho do colega. "O Maurício corria o Brasil. Cada semana com histórias extraordinárias, que realmente expressavam a vivacidade da cultura brasileira. Ele tinha um faro, uma sensibilidade para tocar aquilo. Maurício Kubrusly merece todas as nossas homenagens, não só pelo Me Leva, Brasil, mas o Me Leva, Brasil meio que abriga toda essa obra enorme desse grande jornalista", afirmou o ex-apresentador do Fantástico.

O quadro Me Leva Brasil estreou no programa em janeiro de 2000. O jornalista percorria o país para encontrar personagens curiosos em lugares muitas vezes longínquos. Kubrusly trabalhou na Globo durante 34 anos.

Carreira

Irreverente e original, o repórter começou a carreira no Jornal do Brasil. Durante dez anos, dirigiu a revista Somtrês --a primeira do país especializada em música.

Foi contratado pela Globo em1985, quando cobriu o primeiro Rock in Rio. Na emissora, fez de quase tudo até que em 2000 emplacou o Me Leva, Brasil, no Fantástico. O quadro fez tanto sucesso que foi exibido até setembro de 2016, quando Kubrusly adoeceu.

Em novembro daquele ano, o jornalista teve um infarto e precisou colocar dois stents no coração. Apareceu esporadicamente no ar até o final de 2017. Na festa de fim de ano do Fantástico, sofreu uma queda e teve novos problemas de saúde. Precisou de cirurgia para tirar coágulo do cérebro.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Fama

Leia mais notícias de Fama. Clique aqui!

Últimas Notícias