Diário Online
Esporte / Esporte Brasil
XÔ, ZICA!

Leão foi eliminado três vezes na primeira fase nos últimos 5 anos

Clube do Remo vai tentar quebrar o retrospecto ruim dos últimos 5 anos e se classificar contra o Esportivo-RS.

terça-feira, 16/03/2021, 11:52 - Atualizado em 16/03/2021, 11:53 - Autor: Diário Online


Partida entre Brusque e Remo em 2020
Partida entre Brusque e Remo em 2020 | Divulgação/ Clube do Remo

O Remo estreia na Copa do Brasil na próxima quarta-feira, a partir das 20h, fora de casa contra a equipe do Esportivo-RS. Com a vantagem do empate, os azulinos vão em busca de mudar um retrospecto não tão favorável em estreia na competição. 

Em 2016, o Leão não teve muita sorte ao encarar a equipe do Vasco da Gama, que na época jogava a Série A do Brasileirão. Dentro de casa, no estádio Mangueirão, foi derrotado pelo placar de 1 a 0. No jogo na casa do adversário carioca perdeu novamente, desta vez por 2 a 1, dando adeus à competição.  No ano seguinte, após mudança no regulamento por parte da CBF, os jogos da primeira fase passaram a ser únicos, e com equipes melhor posicionadas no ranking nacional tendo a vantagem do empate, mas jogando fora de casa. O Leão foi partiu para enfrentar o Brusque, longe de casa, e foi derrotado por 2 a 1, e eliminado mais uma vez. 

Em 2018,  os azulinos tiveram um pouco mais de sorte ao enfrentarem a equipe do Atlético do Espírito Santo. Mais uma vez estreando fora de casa, o leão arrancou a vitória por 2 a 0 e se classificou para a próxima fase, que teve como adversário o Internacional. Mas, em pleno Mangueirão, o Leão ficou pelo caminho ao perder para a equipe gaúcha por 2 a 1. Em 2019, mais uma derrocada: o adversário, um tanto desconhecido, foi o Serra-ES. Com um único gol de Rael "o cruel", o Remo foi eliminado no estádio Robertão, no Espírito Santo. 

No ano passado, para espantar o 'mau olhado', o Remo foi melhor na estreia: derrotou a equipe do Frei Paulistano  por 2 a 1, fora de casa, e ganhou o passaporte para a próxima fase. Mas, um vexame marcou mais uma eliminação dos azulinos ao perderem por 5 a 1 para a equipe do Brusque de Santa Catarina, na segunda fase. Relembre: 

Estreias do Remo nos últimos 10 anos na Copa do Brasil

24.02.2010 - São Mateus-ES 1 x 2 Remo (classificado)

07.03.2012 - Real-RR 0 x 0 Remo (classificado)

03.04.2013 - Remo 0 x 1 Flamengo-RJ (Eliminado 1ª fase)

12.03.2014 - Remo 1 x 6 Internacional-RS (Eliminado 1ª fase)

02.03.2015 - Remo 1 x 1 Atlético-PR (Eliminado 1ª fase)

13.04.2016 - Remo 0 x 1 Vasco da Gama-RJ (Eliminado 1ª fase)

16.02.2017 - Brusque-SC 2 x 1 Remo (Eliminado 1ª fase)

07.02.2018 - Atlético-ES 0 x 2 Remo (classificado)

13.02.2019 - Serra 1x0 Remo - (eliminado 1ª fase)

12.02.2020 - Frei Paulistano 1x2 Remo (classificado)

MELHOR CAMPANHA

Apesar do retrospecto não muito positivo dos últimos anos, o Remo é o detentor da melhor campanha de um clube da Região Norte na Copa do Brasil. No ano de 1991, os azulinos chegaram à semifinal contra a equipe do Criciúma-SC, equipe campeã daquele ano. O Leão perdeu por 2 a 0. 

PIOR ESTREIA

O Esportivo é a segunda equipe gaúcha que o Remo enfrenta em estreias na Copa do Brasil. O primeiro time foi o Internacional em 2014. Naquele ano, o Remo configurou o seu maior vexame: perdeu por 6 a 1 em mais uma eliminação na fase inicial da competição nacional em pleno Mangueirão. 

Relembre:


Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS