Diário Online
Esporte / Esporte Brasil
TUDO IGUAL

Paysandu empata com Tombense na estreia da Série C

Mesmo com um a mais desde o primeiro tempo, bicolores pouco fizeram para conquistar a vitória

sábado, 29/05/2021, 21:17 - Atualizado em 29/05/2021, 21:17 - Autor: Kaio Rodrigues/DOL


Papão não saiu do 1 a 1 e teve muitas dificuldades.
Papão não saiu do 1 a 1 e teve muitas dificuldades. | (Divulgação Paysandu)

Na estreia do Campeonato Brasileiro da Série C do Brasileiro, o Paysandu empatou com o Tombense pelo placar de 1 a 1, em Tombos-MG. Com uma apresentação bem abaixo do esperando, os bicolores pouco levaram perigo ao gol de Felipe, mesmo com um jogador a mais desde os 32 minutos do primeiro tempo. 

O Lobo levou o primeiro gol logo aos seis minutos de jogo e só conseguiu empatar com Bruno Paulista, aos 47 minutos da segunda etapa em um belo chute de fora da área.

O próximo compromisso do Papão será contra o Botafogo-PB, na Curuzu, em Belém, no dia 07 de junho, segunda-feira. Já os mineiros vão para a Bahia, onde encaram o Jacuipense, no domingo, dia 06.

O JOGO:

O Tombense começou a partida querendo mostrar quem manda em casa e logo aos seis minutos, após Keké entortar Israel, abriu o placar. No lance, o camisa 7 cruzou, Everton desviou, a bola bateu na defesa e foi parar no fundo do gol. Com o gol, o Papão tentou sair para o ataque mas, desorganizado, pouco fazia. Já o Gavião-Carcará fechava os espaços e tentava ligações diretas para Keké.

Aos 32 minutos, Jhemmerson deu uma forte entrada em Bruno Collaço e recebeu cartão vermelho direto. Depois disso o que se viu foi um Paysandu com a bola, mas sem criatividade e um Tombense se defendendo bem. Nada mudou no placar.

Na segunda etapa, os bicolores voltaram tentando pressionar, mas cometia os mesmos erros dos primeiros 45 minutos. Aos 14 minutos, Vinícius Eutrópio promoveu as entradas de Ari Moura e Gabriel Barbosa nos lugares de Igor Goularte e Ratinho, deixando a equipe mais ofensiva. O Lobo passou a tentar mais em bolas aéreas, mas faltava qualidade no último passe ou nas finalizações.

O Papão colocou um meia de armação somente aos 36 minutos da etapa final, quando Ruy entrou no lugar de Paulinho. A equipe passou a pressionar mais e aos 47 minutos, Bruno Paulista acertou um balaço para empatar a partida. Jhonnatan e Ramon, do Tombense, ainda foram expulsos.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS