Diário Online
Esporte / Esporte Pará
XERIFE

Zagueiro do Paysandu é apresentado: "maior clube da Série C"

Victor Salinas chega para fortalecer o sistema defensivo bicolor na competição nacional; Ele classificou uma vitória sobre a Jacuipense como obrigação por conta da grandeza do Papão

terça-feira, 10/08/2021, 23:17 - Atualizado em 10/08/2021, 23:16 - Autor: Kaio Rodrigues


Victor Sallinas foi apresentado oficialmente nesta terça-feira (10).
Victor Sallinas foi apresentado oficialmente nesta terça-feira (10). | (Foto: John Wesley/Paysandu)

Correndo contra o tempo para se fortalecer nas últimas rodadas da fase classificatória da Série C do Brasileiro, o Paysandu segue apresentando seus reforços na Curuzu. A bola da vez ficou com o zagueiro Victor Sallinas, de 29 anos, que estava no Confiança-SE, disputando a Segunda Divisão Nacional. O jogador classificou os jogos restantes como uma espécie de Copa do Mundo.

"Faltam sete partidas. Temos que levar isso como uma Copa do Mundo, onde você precisa ser efetivo na maioria delas. Temos que crescer nessa reta final, na hora certa do campeonato para poder classificar o Papão e depois começar uma nova competição. Temos que ter uma regularidade melhor em casa, fazer disso aqui o nosso caldeirão com ou sem torcida. Os clubes têm que vir aqui e sofrer. Temos que fazer valer o fator casa, pois na hora do acesso isso será muito importante", comentou.

 

Zagueiro deve ser opção para Roberto Fonseca contra a Jacuipense.
Zagueiro deve ser opção para Roberto Fonseca contra a Jacuipense. | (Foto: John Wesley/Paysandu)
 

Na concorrência por vaga na defesa bicolor, Victor Sallinas terá a concorrência de Perema, Denilson, Alisson, Kerve e Yan. O detalhe curioso é que o novo defensor é o único canhoto da equipe, o que chega a ser uma preferência de muitos técnicos por conta da saída de bola da equipe. O camisa 14 apresentou suas principais características.

"Sou canhoto e tenho o jogo aéreo muito forte, seja o defensivo, seja o ofensivo. Sempre me destaquei nos clubes que passei por causa disso. Sou um zagueiro de força, com velocidade e explosão boas e espero ajudar o Papão com isso", explicou.

A vitória parcial no último domingo estava levando o Lobo ao topo do Grupo A com 19 pontos, no entanto, a virada sofrida para o Botafogo-PB custou muito caro. Além de não garantir a vitória e a liderança, o Esquadrão de Aço deixou o G-4 e caiu para a sexta colocação. Victor Sallinas lamentou o revés, mas foca no triunfo contra a Jacuipense para que o Papão volte a figurar entre os quatro primeiros.

"Foi uma derrota amarga. Estávamos na frente no resultado, assumindo a liderança. Tivemos um excelente primeiro tempo. Ainda não tive a oportunidade de ver meus companheiros, mas acredito que todos já estão com foco na Jacuipense para que a gente possa vencer dentro de casa e consolidar o Paysandu no G-4", destacou.

O Paysandu recebe o Leão grená no próximo sábado (14), às 19, no Estádio da Curuzu, em Belém. A partida é válida pela 12ª rodada da primeira fase da Série C do Brasileiro. Uma derrota pode colocar os comandados de Roberto Fonseca em maus lençóis, entretanto, os três pontos podem fazer a equipe voltar para o G-4. Sallinas classifica o triunfo sobre os baianos como obrigação.

"A Série C é muito difícil, mas acredito que o Paysandu é o maior clube da competição e temos sim a obrigação de vencer a Jacuipense, principalmente porque o jogo é dentro de casa. Será uma partida muito importante dentro da competição para que a gente possa se consolidar dentro do G-4 e não sair mais", finalizou.

 

|
 
Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS