Esporte / Esporte Pará
"PODERIA TER SIDO PIOR"

Cacaio lamenta revés, mas aposta na classificação do Japiim

Castanhal perdeu a invencibilidade no primeiro jogo do mata-mata com um desempenho bastante abaixo do que vinha apresentando na competição e precisa vencer por três gols de diferença para avançar

domingo, 12/09/2021, 21:30 - Atualizado em 12/09/2021, 21:30 - Autor: Kaio Rodrigues


Japiim perdeu na pior hora, mas nada está perdido.
Japiim perdeu na pior hora, mas nada está perdido. | Jivago Lemos/Castanhal

A derrota para o Moto Club, no jogo de ida da segunda fase da Série D do Brasileiro, certamente foi um duro golpe para o Castanhal do técnico Cacaio. O Japiim ainda não havia perdido na competição, foi a melhor equipe da primeira fase, não tinha sofrido derrotas e possuía o melhor ataque. Neste domingo (12), tudo saiu ao contrário.

O time aurinegro foi derrotado por 2 a 0, não marcou gols e volta em desvantagem para o Pará. O próximo duelo contra os maranhenses está marcado para domingo (19), no Estádio Maximino Porpino, na Cidade Modelo. Como não há o critério de gols fora de casa, o Japiim precisa vencer por três gols de diferença, caso queira avançar de fase. Vitória por dois gols de diferença leva a decisão para os pênaltis.

Cacaio, na semana de preparação, foi perguntado sobre a campanha do Castanhal na primeira fase e o que isso significava para o mata-mata. Ele comentou que nesta fase tudo mudava, que todos os times se tornavam iguais e que a melhor campanha geral da equipe seria esquecida. De fato! Ele lamentou a derrota, mas disse que a equipe tem totais condições de buscar a classificação.

“Sofremos. Não fizemos um bom jogo. Levamos 2 a 0 e poderia ter sido pior. O sentimento é que podemos reverter em casa. Vamos retornar, descansar e trabalhar essa semana para reverter no domingo. Sabemos que temos condições. Nosso time é bom. Não jogamos o que poderíamos ter jogado e eles jogaram tudo o que poderiam. Agora é tentar reverter dentro de casa”, comentou o treinador.


Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS