Diário Online
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
"SE IMPOR"

Zagueiro vê Paysandu com obrigação de vencer clássico RexPa

Genílson citou o fator Curuzu e o apoio do torcedor para ver vitória como obrigatória. Defensor diz que equipe está com pés no chão e quer bicolores focados e concentrados contra o Remo

sexta-feira, 18/02/2022, 22:22 - Atualizado em 18/02/2022, 22:21 - Autor: Kaio Rodrigues

Google News

Genílson já marcou um gol com a camisa Alviceleste
Genílson já marcou um gol com a camisa Alviceleste | John Wesley/Paysandu

Belém irá parar neste domingo (20), por causa do clássico entre Paysandu e Remo, pela sétima rodada do Campeonato Paraense. O jogo está marcado para o Estádio da Curuzu, às 17h, e terá a presença somente dos torcedores do Papão, devido o regulamento da competição que proíbe torcida visitante. Para o zagueiro Genílson, o Lobo tem o dever de vencer o rival.

“A obrigação é nossa por estarmos em casa, diante do nosso torcedor, então vamos buscar a melhor estratégia para enfrentar a equipe do Remo. Vamos respeitar fazendo nosso jogo e nos impondo. Clássico se ganha! Precisamos nos impor, estaremos na Curuzu, com o nosso torcedor. Precisamos fazer um bom jogo. Temos que estar concentrados e focados para vencer esse primeiro clássico”, destacou.

Zagueiro sabe a importância de vencer o RexPa
Zagueiro sabe a importância de vencer o RexPa | (Foto: John Wesley/Paysandu)
 

O Paysandu vem chamando atenção e empolgando seu torcedor neste início de temporada. Os bicolores apresentam um bom futebol e mostram organização em campo, coisa que não se viu em 2021, por exemplo. Com tudo isso, as expectativas da torcida são de sucesso na temporada, a começar pela conquista do tricampeonato paraense. Para Genílson, o Lobo tem que manter os pés no chão.

“Nós conversamos bastante sobre esse bom momento que estamos vivendo. Sabemos que é o começo de uma construção de um bom trabalho que vem sendo bem feito por todos. Procuramos deixar a empolgação para a torcida. Procuramos manter nosso foco, nossa concentração, os nossos pés no chão para que possamos evoluir a cada jogo, a cada dia. Sabemos que vitórias escondem erros, mas não para nós. Procuramos sempre estar acertando o que teve de errado. Como disse, estamos com os pés no chão e a empolgação fica para a torcida, mas é claro que estamos contentes com este início de trabalho”, enfatizou.

Marcão e Genílson estão mostrando bom entrosamento
Marcão e Genílson estão mostrando bom entrosamento | (Foto: John Wesley/Paysandu)
 

O bom momento do Esquadrão de Aço se passa muito pela consistência no setor defensivo. Até o momento, o Lobo sofreu um gol, na estreia do Parazão e marcado em uma cobrança de pênalti. Genílson e Marcão mostram entrosamento e segurança. O zagueiro bicolor comentou sobre a parceria e deu os méritos para todos da equipe.

“Procuramos sempre conversar durante os treinos. Comunicação é importante. Procuramos entender melhor as características do companheiro e graças a Deus vem dando certo. Esperamos continuar fortes. É bom lembrar que a equipe toda ajuda na marcação e isso vem fazendo a grande diferença. Toda equipe vem bem. Costumamos falar que a marcação vem da frente, com os meninos se doando bastante para que os lances cheguem mais fáceis para nós. Dependemos muito deles. Levamos apenas um gol e espero que não aconteça mais", ponderou.

Genílson com os atacantes Marcelo Toscano e Robinho
Genílson com os atacantes Marcelo Toscano e Robinho | (Foto: John Wesley/Paysandu)
  

Antes mesmo do início do Parazão, o torcedor do Paysandu havia abraçado o elenco que foi formado por nomes respeitados do futebol brasileiro. O apoio vem dando certo e clube e torcida caminham cada vez mais juntos na busca pelo 50ª estadual da história. Genílson comentou sobre a importância de ter isso na busca pelos objetivos da temporada.

“A empolgação da torcida é algo bom, pois vemos que temos uma torcida apaixonada. Temos que continuar fazendo grandes jogos para que eles continuem assim, para que possam voltar sempre à Curuzu. Eles caminharem com a gente é importante. Vamos precisar de todos, especialmente a nossa torcida, para que os objetivos sejam alcançados”, finalizou.

Fiel vem apoiando o Paysandu em jogos e treinos abertos
Fiel vem apoiando o Paysandu em jogos e treinos abertos | (Foto: John Wesley/Paysandu)
 


Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS