Diário Online
Esporte / Esporte Pará
NÃO DEU, JAPIIM!

Castanhal empata com Vitória e é eliminado da Copa do Brasil

Ao término da partida, jogadores e comissão técnica do Japiim foram para cima da arbitragem. Um dos auxiliares chegou a ser agredido e a Polícia Militar teve que intervir

quinta-feira, 03/03/2022, 23:06 - Atualizado em 03/03/2022, 23:05 - Autor: Kaio Rodrigues

Google News

Fazendinha deu passe para Cearense abrir o placar
Fazendinha deu passe para Cearense abrir o placar | Matheus Vieira/Castanhal

O Castanhal recebeu o Vitória-BA na noite desta quinta-feira (3), no Estádio da Curuzu, em Belém, em jogo válido pela primeira fase da Copa do Brasil. Em partida bem disputada, as equipes terminaram empatadas pelo placar de 1 a 1, o que deu a vaga para o rubro-negros, por conta do regulamento da competição nacional.

Os gols da partida saíram logo no primeiro tempo. O atacante Leandro Cearense abriu o placar aos 13 minutos, após saída de bola errada da defesa rival. Ruan avançou e tocou para Willian Fazendinha, que deixou para o camisa 9 finalizar sozinho para o fundo do gol. Entretanto, aos 24 minutos, Eduardo cobrou falta, a bola foi desviada e Matheus Moraes empatou a partida na Curuzu.

Cearense acertou a trave e depois marcou para o Castanhal
Cearense acertou a trave e depois marcou para o Castanhal | (Foto: Matheus Vieira/Castanhal)
 

Após o apito final, jogadores e membros da comissão técnico do Castanhal foram para cima do árbitro Salim Fende Chavez e dos auxiliares. A polícia conseguiu conter os ânimos. A equipe do Japiim queria a marcação de um pênalti que não foi marcado nos minutos finais do confronto. Com a vitória, os baianos levam para casa R$ 750 mil.

Momento em que a galera do Japiim foi para cima da arbitragem Magno Fernandes
 


Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS