plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 25°
cotação atual R$


home
Imagem ilustrativa
MANTRA BICOLOR

Paysandu foca em vencer sem precisar dar espetáculo

Não importa o adversário ou competição, o Papão precisa estar preparado para enfrentar quem vier. Pelo menos esse é o pensamento de Bruno Alves, que está cheio de confiança após o 1º gol

Imagem ilustrativa da notícia Paysandu foca em vencer sem precisar dar espetáculo camera Para o atacante, a ordem é vencer quem estiver pelo caminho | JORGE LUIS TOTTI-PSC

Na expectativa pelo resultado do jogo entre Castanhal e Real Ariquemes-RO, que se enfrentam amanhã pela primeira fase da Copa Verde, o Paysandu espera para saber quem será o adversário do confronto de quarta-feira, em jogo a ser realizado na Curuzu. Para o autor do golaço da vitória de 2 a 0 sobre o Tapajós, o atacante Bruno Alves garante que, dentro de campo, ele e os companheiros não veem tanta diferença na hora de entrar em campo pela CV ou pelo Parazão.

“Para a gente não muda muita coisa não. Além do mais, podemos até pegar o Castanhal. Independentemente de quem vier, estaremos focados em busca dos três pontos. Vai ser uma maratona de jogos, por isso será preciso descanso para voltarmos fortes aos treinos e ficar à disposição do treinador”, disse o jogador, que admitiu que o primeiro gol com a camisa azul e branca trouxe consequências benéficas. “Quem joga na frente sempre quer fazer gols. Deu uma tranquilidade para a sequência de jogos e aumenta a confiança”.

Bruno admite as dificuldades no jogo do meio de semana, mas defende a atuação do Papão, lembrando que o time está em construção e é importante marcar pontos. Sobre a atuação individual, ele sabe que há muito por fazer e mostra confiança em poder dar muito mais. “Acho que não fizemos um jogo ruim, mas podemos evoluir muito. Ainda estamos nos conhecendo e, nessa fase, é importante vencer. Eu sei que ainda tenho muito por crescer e quando estiver a 100% poderei ajudar mais ainda. Estou me dedicando demais com o clube, muito feliz e querendo ajudar a chegar aos principais objetivos”, comentou.

Paysandu minimiza mistura de campeonatos e foca em evolução

Paysandu lança pesquisa para conhecer perfil de torcedores

Como o Castanhal já é conhecido, a missão dos próximos dias é buscar informações sobre o time de Rondônia, que ainda é uma incógnita aos bicolores, pelo menos até os próximos dias. “Ainda não sabemos nada do Real Ariquemes. Vamos começar a estudar eles nesse fim de semana”, disse.

"Podemos evoluir muito. Ainda estamos nos conhecendo e, nessa fase, é importante vencer. Eu sei que ainda tenho muito por crescer e quando estiver a 100% poderei ajudar mais ainda." Bruno Alves , atacante

E MAIS...

RITHELY GANHA “BOLADA”

Uma das principais contratações do Paysandu para a temporada, o volante Rithely teve uma decisão jurídica em segunda instância a seu favor numa ação que move contra o Sport Recife-PE, clube que defendeu por nove anos. O Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região condenou o Leão da Ilha a pagar R$ 15 milhões ao jogador. Em primeira instância, a Justiça já tinha dado causa ao atleta em maio do ano passado, no valor de R$ 12 milhões, mas o clube pernambucano recorreu e Rithely conseguiu acréscimos no direito de imagem e da rescisão do contrato de imagem. O juiz do caso acatou de forma parcial o pedido de indenização de Rithely por ter se lesionado em 2017. Foi reconhecido que o caso foi acidente de trabalho.

Papão teve prejuízo

Diferente da estreia contra o Itupiranga, quando teve um lucro de quase R$ 100 mil só com bilheteria, o jogo da última terça-feira contra o Tapajós, também na Curuzu, deu prejuízo ao time bicolor, que literalmente pagou para jogar dentro de sua casa por conta da baixa presença na arquibancada. O borderô divulgado pela Federação Paraense de Futebol aponta apenas 3.809 pagantes. A renda bruta do jogo foi de R$ 58.835,00. Com as despesas de R$ 59.534,69, o Papão teve um prejuízo de R$ - R$ 699.69.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Paysandu

Leia mais notícias de Paysandu. Clique aqui!

Últimas Notícias