Diário Online
Notícias / Notícias Brasil
PREOCUPAÇÃO

Falta de oxigênio vista em Manaus pode se alastrar pelo país, alertam especialistas

A maior preocupação é com outros estados da Região Norte, onde não há produção local de oxigênio.

sábado, 16/01/2021, 09:40 - Atualizado em 16/01/2021, 09:39 - Autor: Com informações do Extra


Especialistas alertam que a falta de oxigênio vista em Manaus, pode se alastrar por todo o país.
Especialistas alertam que a falta de oxigênio vista em Manaus, pode se alastrar por todo o país. | Reprodução

Especialistas alertam que o drama registrado na capital do Amazonas, com a falta de oxigênio nos hospitais devido a escalada de casos de coronavírus, pode se alastrar por todo o país. As informações são do Extra. 

De um lado, um produto que precisa ser reposto em caráter imediato. Do outro, indústrias que se desdobram para elevar rapidamente a produção, mas não conseguem atender a demanda, ou seja, mesmo com o grande volume de doações, o oxigênio acaba não chegando a tempo para quem precisa. 

Governador detalha plano de vacinação no Pará com prefeitos dos 144 municípios

Butantan diz que só entregará doses da Coronavac quando governo tiver plano de vacinação

Na primeira onda de Covid-19, no ano passado, o consumo de oxigênio era de 30 mil metros cúbicos em Manaus, patamar muito acima do registrado antes da pandemia. Agora, segundo a White Martins, empresa que tem a maior fatia do mercado, a demanda já chegou a 70 mil metros cúbicos diários, quase três vezes a capacidade de produção da empresa na cidade.

Para o consultor Ronaldo S Santos, a falta de planejamento público explica o quadro atual de Manaus, "onde deveria ter sido pedido um plano de ação das empresas para fornecimento ao longo do ano passado".

Covid-19: Baixo Amazonas passa de bandeira laranja para vermelha

"É como um afogamento": especialistas falam sobre falta de oxigênio para pacientes da Covid

Já o professor de Gestão de Cadeia de Suprimentos do Insper Vinícius Picanço, alerta que o que está acontecendo em Manaus, pode se repetir em outras localidades com limitações na infraestrutura de transportes, em parte do Nordeste e no interior.

Preocupação com o Norte

Os especialistas são categóricos ao afirmarem que pode haver falha na oferta de oxigênio em outras partes do país a depender do aumento de casos. A maior preocupação é com outros estados da Região Norte, onde não há produção local de oxigênio, segundo enfatiza Jorge Mathuiy, diretor comercial da MAT, maior produtora de cilindros do Brasil.

'Bolsonarismo' é cúmplice da falta de oxigênio e do caos em Manaus, diz revista

A Federação das Indústrias do Estado (Fiam) disse, em nota, que o cenário é de caos e que o governo do estado fala em licitar 11 minifábricas de oxigênio para hospitais, segundo Antônio Silva, presidente da entidade. Grandes empresas do setor financeiro, consumo e aéreo estão doando equipamentos e cilindros, a maior dificuldade, porém, é fazer a ajuda chegar.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS