Notícias / Notícias Brasil
POLÊMICA

Jovem é indiciado após dar cerveja a cachorro; veja o vídeo!

Pena para o crime de maus tratos aos animais é de 3 a 5 anos de prisão

quarta-feira, 24/03/2021, 11:58 - Atualizado em 24/03/2021, 11:57 - Autor: Com informações RIC Mais


O rapaz faz o animal ingerir todo o líquido oferecido.
O rapaz faz o animal ingerir todo o líquido oferecido. | Reprodução/Ric Record TV

Um vídeo publicado na internet revoltou muitos internautas após mostrar um cachorro ingerindo bebida alcóolica. O caso aconteceu na cidade de Maringá, no Paraná. 

Nas imagens é possível ver um jovem de 20 anos, que não teve a identidade revelada oferecendo a bebida a um cachorro da raça Golden Retriever. O animal ingere todo o liquido oferecido pelo jovem. Caso seja condenado, o acusado, pode responder pelo crime de maus tratos aos animais.

O vídeo que rapidamente viralizou nas redes sociais e causou revolta, chegou até a policia, que prontamente iniciou uma investigação sobre o caso.

 

 

De acordo com a RIC Record TV, o jovem afirmou em depoimento que não se tratava de bebida alcoólica e sim cerveja sem álcool. O delegado Luiz Alves que está sob o comando das investigações diz não acreditar no depoimento do acusado..

"As imagens mostram outra coisa. Não havia nenhum outro tipo de bebida em torno dele, havia embalagens de bebidas alcoólicas. São situações que tem imagens registradas. Imagens que oram disponibilizadas por ele mesmo nas redes sociais", disse.

O delegado ainda afirma que o ato configura maus tratos "Dar um alimento que não e destinado ao animal e que não faria bem a saúde dele, colocando a vida do cão em risco", afirmou.

Até setembro de 2020, a lei de crimes ambientais previa pena de 3 meses a 1 ano de prisão para o crime de maus tratos. Porém, a lei foi alterada, a pena agora para maus tratos a animais domésticos é de 3 a 5 anos de prisão.

O jovem acusado, prestou depoimento e em seguida foi liberado. As investigações continuam.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS