Diário Online
Notícias / Notícias Brasil
REVOLTA

Gerente é encontrada morta, nua e com hematomas no rosto

Viaturas das polícias Militar e Civil e uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram ao local onde o corpo da vítima foi encontrado.

sexta-feira, 19/11/2021, 08:03 - Atualizado em 19/11/2021, 08:02 - Autor: Com informações do portal Cruzeiro do Sul


Imagem ilustrativa da notícia: Gerente é encontrada morta, nua e com hematomas no rosto
| Reprodução

Na última quinta-feira (18), um triste mistério chegou ao fim em Itapetininga, interior de São Paulo. O corpo de Susana Dias Batista, de 47 anos, gerente de uma loja de máquinas e ferramentas naquele município, foi encontrado após um dia de desaparecimento.

Ela foi vista pela última vez, por volta das 14h30 de quarta-feira (17), no centro da cidade, com o carro da empresa, uma picape. Desde então, os familiares e as polícias Civil e Militar buscavam a localização de Susana.

O CASO

No final da manhã desta quinta-feira (18), a filha de Susana contou que a mãe saiu da loja onde trabalhava para ir almoçar em casa. Antes, foi a uma locadora de vans no centro. “A equipe da loja iria para Sorocaba hoje (quinta-feira, 18). Então, ela passou para fazer a cotação para a viagem”, conta. Após sair do local, não foi mais vista.

Susana dirigia uma caminhonete da empresa, um Volkswagen Saveiro vermelho, localizado em uma avenida da cidade, perto de um hospital particular. “O carro foi encontrado todo aberto, em cima de uma guia", diz a filha.

Um funcionário de outra empresa viu o veículo e ligou para o local onde Susana trabalhava. Um colega de trabalho tentou falar com ela pelo telefone, mas não conseguiu. Então, foi até o lugar e achou o veículo abandonado. Na sequência, acionou a Polícia Militar. Os PMs entraram em contato com familiares, que conseguiram rastrear o celular dela.

Auxílio emergencial: nascidos em dezembro recebem

Homem dorme ao volante e carro segue anda sozinho; assista!

De acordo com o boletim de ocorrência, o rastreamento indicou a passagem de Susana por uma farmácia na Vila Aparecida. Depois, seguiu para o centro, onde fica a locadora. Em seguida, o sinal de rastreio sumiu. Ainda, conforme o BO, a DIG encontrou um vídeo de câmera de segurança que mostra ela estacionando em frente à farmácia. O registro também a retrata sendo abordada por dois homens, ao sair do local.

Conforme o registro policial, posteriormente, o GPS do aparelho de Susana voltou a funcionar e indicou a localização dela em uma rodovia da região. Na sequência, a filha diz que o último rastreamento apontou a passagem por Alambari. A cidade fica a cerca de 20 quilômetros de Itapetininga.

DESPEDIDA

A prefeita de Itapetininga, Simone Marquetto, postou em suas mídias sociais a informação da localização do corpo da vítima e lamentou a morte de Susana: "Quando uma mulher morre vítima de violência, todo mundo perde um pouco. Infelizmente, a Susana foi encontrada sem vida. Neste momento, pedimos a Deus que conforte o coração da família e amigos, que sentem a dor dessa tragédia. Itapetininga está em luto. Que Deus conforte a todos!".

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS