Diário Online
Notícias / Notícias Brasil
QUARENTENA

Covid-19: período de isolamento reduz para sete dias

A medida segue os passos de outros países que já reduziram o tempo de isolamento

segunda-feira, 10/01/2022, 22:35 - Atualizado em 10/01/2022, 22:35 - Autor: DOL


Isolamento mínimo é de 7 dias para pessoas com covid-19 leve e moderada, decide o Ministério da Saúde
Isolamento mínimo é de 7 dias para pessoas com covid-19 leve e moderada, decide o Ministério da Saúde | Reprodução

Aos poucos as coisas vão voltando ao normal, os passos ainda são lentos mas estão avançados! Seguindo as recomendações e cumprindo os protocolos de segurança do Ministério da Saúde vamos vencendo aos poucos.

Pessoas recém recuperadas do Covid, que estão sem sintomas respiratórios, sem febre há 24 horas (sem uso de antitérmico) e que tenham resultado negativo para teste PCR ou antígeno tem agora o período de isolamento reduzido de 10 para 5 dias pelo Ministério da Saúde. A decisão foi anunciada nesta segunda-feira (10) e essas diretrizes foram atualizadas com base no que esta sendo aplicado em outros países.

O Ministério da Saúde não deixa de reforçar que os cuidados com a saúde devem ser mantidos para pacientes que testaram negativo para Covid e saíram do isolamento, devem manter a recomendação até o décimo10º dia, evitando aglomeração, usando máscara e outras medidas.

Veja como fica a nova recomendação do isolamento:

- Para pessoas que estão com Covid leve ou moderada, o isolamento é de, no mínimo, 7 dias, sem teste.

- No entanto, se ao 5º dia completo o paciente não tiver sintomas respiratórios e febre por um período de 24 horas, sem uso de antitérmico, ele pode fazer o teste (antígeno ou PCR). Se for negativo, ele pode sair do isolamento.

- Se ao 7º dia o paciente continuar com sintomas respiratórios ou febre, ele pode fazer o teste (PCR ou antígeno). Caso dê negativo, pode sair do isolamento. Se der positivo, deve ficar resguardado até 10 dias e só sair quando não tiver mais sintomas.

- Após 10 dias, se tiver sem sintomas respiratórios, não é necessário testar.

Outros países

A medida segue os passos de outros países que já reduziram o tempo de isolamento.

Nos últimos dias de dezembro, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) atualizou suas diretrizes para casos confirmados de Covid em pacientes assintomáticos, bem como para aqueles cujos sintomas já tenham passado ou estejam desaparecendo. O tempo recomendado passou de 10 para 5 dias, seguido de uso constante de máscara por mais 5 dias quando o paciente estiver em contato com outras pessoas.

"Está sendo adotado em outros países, tem assento em evidências científicas. É possível que adotemos essa mesma conduta. 5 dias. Isso está em estudo na área técnica", afirmou Queiroga a jornalistas na porta do Ministério da Saúde na semana passada, ao comentar que possivelmente adotaria a medida anunciada nesta segunda.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS