Diário Online
Notícias / Notícias Brasil
ELE QUERIA MAIS!

Homem seduz idosa em aplicativo e aplica golpe de R$ 3 mil

O golpista tentou tirar mais R$ 9.680, mas a vítima desconfiou. Ele dizia que vivia em Londres e estaria de malas prontas para morar novamente no Brasil, quando cometeu o estelionato.

quinta-feira, 17/03/2022, 16:14 - Atualizado em 17/03/2022, 16:13 - Autor: Com informações Istoé

Google News

Idosa de Araçatuba (SP) fez depósito para liberar malas de suspeito que conheceu em app de relacionamentos e se apresentou como morador da Inglaterra
Idosa de Araçatuba (SP) fez depósito para liberar malas de suspeito que conheceu em app de relacionamentos e se apresentou como morador da Inglaterra | Arquivo pessoal

Mesmo que os aplicativos de namoro já estivessem aumentando de popularidade nos últimos anos, a pandemia acelerou ainda mais esse crescimento. E, com isso, os riscos de segurança também aumentam.

A popularidade dessas plataformas além de pessoas em busca de um companheiro, também atrai criminosos, que tentam se aproveitar das informações pessoais que usuários expõem nesses serviços para escolher seu próximo alvo. Uma pesquisa feita pela divisão de Inteligência em Ameaças da Check Point Software alerta sobre os riscos inerentes nesses aplicativos.

Essa semana, uma moradora de Araçatuba, no interior de São Paulo foi vítima da ação desses criminosos. A idosa, de 64 anos, foi vítima de um golpe, aplicado por uma pessoa que ela conheceu em um aplicativo de relacionamentos. 

De acordo com o boletim de ocorrência, a idosa contou que conversava com o golpista havia cerca de um ano pelo WhatsApp. O criminoso afirmava que nasceu em Londres e que trabalhava em uma cidade da Inglaterra, porém, tinha como planos uma mudança para o Brasil.

Veja também:


Em uma das conversas, o golpista disse que enviaria algumas malas para o Brasil no endereço dela, e ela resolveu ajudar. Pediu uma foto da sua identidade, e ele encaminhou.

Assim que o suspeito afirmou que as malas foram enviadas, uma pessoa se passou por funcionária do aeroporto de Guarulhos e entrou em contato com a idosa dizendo que seria necessário pagar uma taxa de R$ 2.950 para a liberação das bagagens. Pronta para ajudar, a vítima fez um depósito bancário no valor informado.

Em seguida, a suposta funcionária solicitou um novo pagamento no valor de R$ 9.680, alegando que a mala continha muito dinheiro. Após a segunda cobrança, a idosa desconfiou de um possível golpe e procurou a polícia. O caso é investigado.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS