plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 26°
cotação atual R$


home
PODE ISSO?

Bolsonaro admite ter ficado com joias da Arábia Saudita

O estojo entregue ao ex-presidente conta com anel, relógio, caneta e acessórios para terno

Imagem ilustrativa da notícia Bolsonaro admite ter ficado com joias da Arábia Saudita camera Conforme o TCU, presentes dados em viagens devem ser incorporados ao Departamento de Documentação Histórica do Gabinete Pessoal da Presidência da República | Reprodução/Twitter

O ex-presidente Jair Messias Bolsonaro admitiu, na tarde desta quarta-feira (8), em entrevista dada à CNN Brasil, que incorporou joias doadas pelo governo da Arábia Saudita em seu acervo pessoal.

Conforme Bolsonaro, apenas o segundo pacote foi anexado ao seu acervo. O estojo entregue ao ex-presidente conta com anel, relógio, caneta e acessórios para terno, no entanto, o valor dos bens ainda não foi estimado.

Ainda em entrevista a CNN, Bolsonaro negou estar ultrapassando os limites da lei, citando uma decisão do Tribunal de Contas da União (TCU), que o autoriza ficar com as joias. “Não teve nenhuma ilegalidade. Segui a lei, como sempre fiz”, disse o ex-presidente.

Conforme o TCU, presentes dados em viagens devem ser incorporados ao Departamento de Documentação Histórica do Gabinete Pessoal da Presidência da República. No entanto, presentes de consumo próprio e objetos de cunho pessoal podem ser anexados ao acervo pessoal do chefe de estado.

Nesta quarta-feira (8), o Ministério Público (MP) pediu ao TCU a abertura de inquérito para investigar a entrada das joias no Brasil. O MP ainda quer apurar a participação de servidores no caso.

“Eu não pedi, nem recebi esses outros presentes”, disse após lhe questionarem sobre joias entregues a ex-primeira dama Michelle Bolsonaro. Os itens foram apreendidos pela Receita Federal em 2021.

CONTRADIÇÃO?

Embora negue ter recebido alguns presentes, membros do governo trabalharam para conseguir a liberação de algumas joias. Um desses casos é o de Júlio César Vieira Gomes, ex-chefe do Fisco, que foi nomeado por Bolsonaro para um cargo em Paris, na França, no seu último dia de mandato.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Notícias Brasil

Leia mais notícias de Notícias Brasil. Clique aqui!

Últimas Notícias