plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 25°
cotação atual R$


home
AGORA É SÓ AGUARDAR

Quando sai o resultado do Enem 2023? E como calcular a nota? 

Segundo dia de provas foi neste domingo (12)

Imagem ilustrativa da notícia Quando sai o resultado do Enem 2023? E como calcular a nota?  camera Estudantes chegam para fazer prova em escola de Belém | Pedro Guerreiro/Ag.Pará

Após o segundo dia de provas do Enem 2023, neste domingo (12), os estudantes começam a viver a expectativa pelo resultado, que mostrará se eles terão condições de conseguir uma vaga em instituição de ensino superior pública ou privada.

Isso será possível por meio da plataforma Sisu (Sistema de Seleção Unificada), mas o participante também pode pleitear um financiamento estudantil junto ao Fies ou ao Prouni (Programa Universidade para Todos).

De acordo com o edital publicado pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), o gabarito oficial do Enem será divulgado no dia 24 de novembro na seção Provas e Gabaritos do portal. Já o resultado final, com a pontuação, será conhecido apenas no dia 16 de janeiro de 2024, na página do participante.

Apesar de o gabarito sair antes da nota final, não é possível deduzir qual nota o estudante vai tirar apenas contando os erros e os acertos. Isso ocorre por causa do sistema adotado pelo Enem para dar as notas.

Desde 2009 a nota do exame passou a ser calculada pelo modelo matemático chamado TRI (Teoria de Resposta ao Item), para, segundo o Inep, "garantir comparabilidade de notas entre provas de diferentes aplicações. Há uma lógica de tentar premiar com melhores notas estudantes que demonstrem maior coerência na aferição de suas habilidades na prova".

"A TRI é um conjunto de modelos matemáticos que busca representar a relação entre a probabilidade de o participante responder corretamente a uma questão, seu conhecimento na área em que está sendo avaliado e as características dos itens", destaca o Inep.

Assim, basicamente, a nota será calculada levando-se em conta não apenas o número de acertos, mas também o cálculo de quais perguntas foram respondidas corretamente.

Em 2021, a Folha publicou uma análise estatística explicando a TRI e demonstrando que estudantes que acertarem só questões fáceis podem tirar notas superiores aos que acertarem apenas as difíceis. Isso ocorre porque acertar questões difíceis e errar fáceis é entendido pelo modelo como um possível chute, e há reflexo na nota final.

A TRI considera a particularidade de cada item. Nesse sentido, as notas não dependem da quantidade de itens da prova, mas de cada item que a compõe. Sendo assim, duas pessoas com a mesma quantidade de acertos na prova são avaliadas de formas distintas, a depender de quais itens estão certos e errados e podem, assim, ter notas diferentes.

Todos esses critérios foram determinados pelo Inep ao avaliar os parâmetros de milhares de questões que compõem o banco de itens para cada uma das quatro áreas. "Com base nessas informações, as questões são posicionadas em uma espécie de régua com interpretação pedagógica", destaca o instituto.

Esses critérios, no entanto, são guardados a sete chaves pelo Inep e não são divulgados. Desta forma, não adianta os estudantes quebrarem a cabeça para tentar descobrir sua nota. O melhor é esperar mesmo o dia 16 de janeiro do próximo ano para ver quanto tirou no exame e ir atrás do sonho universitário.

COMO A REDAÇÃO É CORRIGIDA?

A avaliação é feita por, pelo menos, dois professores graduados em letras ou linguística. Um não sabe a nota que o outro deu.

Cinco competências são avaliadas, a cada uma sendo atribuída nota de 0 a 200. A nota do estudante será a média aritmética dos valores dados pelos dois professores.

As cinco competências:

  • Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa;
  • Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa;
  • Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista;
  • Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação;
  • Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

QUANDO SAIRÁ E ONDE VER O GABARITO?

O gabarito oficial das provas será divulgado no dia 24 de novembro na seção Provas e Gabaritos do portal do Inep. A Folha, em parceria com o Objetivo, também publicará um gabarito extraoficial (veja aqui) quando a prova acabar.

QUANDO SAI O RESULTADO?

O resultado do Enem será divulgado no dia 16 de janeiro de 2024, na página do participante.

O estudante também poderá ter acesso à vista de sua prova de redação exclusivamente para fins pedagógicos 60 dias após a divulgação dos resultados.

E os treineiros, os estudantes segundo-anistas que fazem o Enem como treinamento para o ano seguinte, terão suas notas divulgadas 60 dias após a divulgação dos resultados do exame.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Cursos & Empregos

Leia mais notícias de Cursos & Empregos. Clique aqui!

Últimas Notícias