Diário Online
Notícias / Marabá
“ACIDENTE DOMÉSTICO”

Acusado de balear a esposa em Marabá segue preso

Segundo familiares, o estado de saúde da vítima é grave

sexta-feira, 19/02/2021, 18:52 - Atualizado em 19/02/2021, 19:05 - Autor: Alessandra Gonçalves/Diário do Pará em Marabá


Imagem ilustrativa da notícia: Acusado
de balear a esposa em Marabá segue preso
| Acervo Pessoal

Está recolhido na Central de Triagem Masculina de Marabá (CTMM), Franciclei Júlio Nascimento, de 31 anos, acusado de atirar na esposa na segunda-feira (15), em uma chácara na região do Geladinho, núcleo São Félix, em Marabá, sudeste paraense.

Amanda Paula Araújo, de 18 anos, foi atingida no braço e tórax, perfurando órgãos vitais, entre eles o pulmão. Ela encontra-se internada em estado grave no Hospital Regional de Marabá.

Franciclei foi preso pela Polícia Civil na tarde de quarta-feira (17), após ter sua prisão preventiva decretada. A polícia tomou conhecimento da tentativa de feminicídio e iniciou as buscas.

“A vítima foi encaminhada ao Hospital Municipal e encontra-se internada. Em menos de 48 horas identificamos o autor, inclusive representamos pela prisão preventiva e cumprimos essa cautelar na quarta-feira. Ele encontra-se recolhido à disposição do judiciário”, informou o superintendente de Polícia Civil, delegado Thiago Carneiro.

Para a polícia, Franciclei alegou que foi acidente doméstico, mas não apresentou a arma de fogo. “Agora a gente vai coletar maiores informações e vamos solicitar algumas perícias. Temos um prazo de 10 dias para concluir o inquérito e saber se foi um acidente doméstico ou tentativa de feminicídio contra a mulher”, informou o delegado.

BRIGAS

De acordo com o padrasto da vítima, Antônio Filho da Silva, Amanda e Franciclei estavam casados há quase dois anos, mas brigavam muito por ciúme.

“A gente não sabe muito detalhe, quem sabe é a família dele que estava na chácara na hora do acontecido. Mas, eles brigavam muito, ainda mais para pegar onde pegou o tiro e ele ter fugido”, disse o homem, não acreditando que tenha sido um disparo acidental.

Antônio contou ainda que o baleamento ocorreu por volta de 13h40 de segunda, mas a família só foi comunicada às 16h30 do fato, ocasião em que Franciclei, marido de Amanda, ligou afirmando que a esposa havia sofrido um acidente.

“A gente achou que era acidente de moto. Só quando a gente chegou no hospital a gente ficou sabendo que foi tiro”, contou o padrasto da jovem.

A avó de Amanda, Josefa Alves, afirma que o estado de saúde da neta é muito delicado. “O médico falou que a possibilidade de vida dela é muito pouca. Estamos quase sem esperança, porque o estado dela é mesmo delicado. Está agora nas mãos do senhor mesmo e torcendo para que Deus tenha misericórdia e restaure a vida dela”. 

Amanda Paula Araújo tem um filho com Franciclei de 1 ano e 10 meses. Um Boletim de Ocorrência foi registrado por um irmão de Franciclei na 21ª Seccional de Polícia Civil.

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS
Error while parsing
Error while parsing
Line 5, column 109: "cirio"
                <span class="hx-style-1 h1 dol-mais-noticias mw-wrapper dol-c-<mw:property value='isCirio ? 'cirio' : categoryInfo.name' transform='normalize-for-url,tolower'/> mw-m-b-30 dol-f-nunito-bold mw-pad-l-15">Mais em <span class="dol-f-nunito-extra-light">${isCirio ? 'Círio' : (article.categoryInfo.parentCategory.name ?? article.categoryInfo.name)}</span></span>
                                                                                                            ^