Diário Online
Notícias / Mundo-Notícias
NEGACIONISMO

Homem sequestra filha de 7 anos para impedir vacinação

O pai apresenta argumentos infundados e refutados pela Ciência sobre as vacinas contra a covid-19

sexta-feira, 14/01/2022, 17:30 - Atualizado em 14/01/2022, 17:30 - Autor: Com informações de Daily Star


Michael apareceu em um talk show de um lugar desconhecido
Michael apareceu em um talk show de um lugar desconhecido | Reprodução

A pandemia do novo coronavírus entra em seu terceiro ano e ainda é motivo de preocupação. A orientação de profissionais e órgãos de saúde do mundo todo é para que se tome a vacina e suas doses de reforço, além de cumprir as medidas de segurança sanitária. Mesmo assim, há quem não acredite na ciência e seja capaz de prejudicar até terceiros por causa desse ceticismo.

Uma menina de sete anos foi sequestrada pelo próprio pai para não tomar a vacina contra a covid-19. A criança passava a maior parte do tempo com a mãe, em Regina, no Canadá, e foi visitar o pai em Carievale, a 300 quilômetros a sudeste, em meados de novembro. 

Desde então, o homem não devolveu a menina, apesar de uma ordem judicial exigindo o retorno da garotinha. 

A mãe da criança, Mariecar Jackson, diz que está separada de Michael há anos e que a menina está no 2º ano. A mulher se diz preocupada com a saúde física e mental da garota. Ela quer vacinar a filha, mas o pai não.

Michael participou virtualmente de um talk show canadense para expor suas opiniões. Ele falou de um local não revelado no programa Live with Laura Lynn. A apresentadora expressou repetidamente apoio ao pai e os dois ficaram 45 minutos trocando ideias infundadas e refutadas sobre as vacinas contra a covid-19. 

"Mesmo que haja uma chance em um milhão de que sua filha possa, nem mesmo morrer, mas há uma chance em um milhão de ela não ter filhos, isso não seria suficiente?”, disse Michael que acredita estar fazendo um “trabalho de Deus”.

Ao perguntar se a menina queria tomar a vacina, ele direcionou a câmera em direção a filha que disse: “Isso pode mudar seu DNA. Eu não acredito que Deus queira que eu faça isso. E isso pode te deixar doente e te matar”.

A apresentadora respondeu à criança: “Então parece que você sabe um pouco sobre o que está acontecendo, ha ha. OK. Tão fofo!”.

Os juízes de Saskatchewan emitiram duas ordens judiciais exigindo que a menina fosse devolvida à mãe imediatamente. A polícia chegou a ir à casa de Michael para fazer cumprir a ordem judicial, mas não havia ninguém lá, segundo informou a advogada da mãe, Jill Drennan.

"Já se passaram mais de 60 dias. Parece que ele não tem intenção de devolvê-la", diz a advogada.

A polícia de Regina disse que a cópia das ordens judiciais não "fornece a verificação que precisaríamos" para merecer uma investigação por seu departamento.


Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS