Diário Online
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$
TRANSPORTE

FAB reserva dois aviões para resgatar brasileiros da Ucrânia 

Os ministérios da Defesa e das Relações Exteriores anunciaram, por meio das redes sociais, que dois aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) poderão ser usados no resgate de brasileiros na Ucrânia, país que sofre uma invasão militar russa.

sábado, 26/02/2022, 14:42 - Atualizado em 26/02/2022, 18:57 - Autor: Com Informações de Folha Press

Google News

A FAB (Força Aérea Brasileira) informou que colocou de prontidão dois aviões KC-390 Millennium para o possível transporte ao Brasil de cidadãos do país que deixaram a Ucrânia.
A FAB (Força Aérea Brasileira) informou que colocou de prontidão dois aviões KC-390 Millennium para o possível transporte ao Brasil de cidadãos do país que deixaram a Ucrânia. | Rafael Felicciano/ Metrópoles

A FAB (Força Aérea Brasileira) informou, neste sábado (26), por meio das redes sociais que colocou de prontidão dois aviões KC-390 Millennium para o possível transporte ao Brasil de cidadãos brasileiros que deixaram a Ucrânia.

Jovem paraense tenta deixar a Ucrânia em direção a Romênia

Rússia veta na ONU e Brasil sobe tom contra invasão

"As aeronaves são do mesmo modelo utilizado em outras missões humanitárias internacionais: o transporte de donativos para as vítimas da explosão em Beirute, capital do Líbano, em 2020; e o apoio emergencial à tragédia causada pelo terremoto ocorrido em agosto de 2021 no Haiti", disse a FAB, nas redes sociais.

A publicação não informou de onde os aviões partiriam, mas refugiados do conflito têm cruzado as fronteiras à oeste da Ucrânia, como a da Polônia. Também não foi anunciada a data para o transporte dos brasileiros. Na quinta-feira (24), o Itamaraty estimou em cerca de 500 os brasileiros na Ucrânia. Desde o agravamento das tensões nas fronteiras com a Rússia, a embaixada em Kiev deu início a um recadastramento dos nacionais no país -até quinta, cerca de 160 pessoas tinham se registrado.

Segundo a chancelaria argentina, os países latino-americanos planejam em conjunto uma forma de ajudar seus cidadãos a saírem da Ucrânia.

"Ministério das Relações Exteriores [da Argentina] está trabalhando com as chancelarias do Chile, Brasil, Peru, Uruguai, Paraguai, México, Colômbia, Bolívia e Equador, articulando ações e trocando informações úteis, a fim de poder fornecer, nas circunstâncias atuais, a assistência consular que for necessária", disse um comunicado.

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS