Notícias / Mundo-Notícias
Mundo-Notícias

Múmia de 200 anos não está morta, afirma médico

quarta-feira, 04/02/2015, 18:24 - Atualizado em 05/02/2015, 17:18 - Autor:


A descoberta da múmia de um monge com cerca de 200 anos de idade está causando polêmica entre especialistas. Isso porque um médico afirma que monge “não estaria morto”, mas sim apenas em um estado avançado de meditação.



(reprodução: Morning News)


A declaração foi feita por Barry Kerzin, monge e médico do Dalai Lama, líder espiritual e político do povo do Tibet. Ele afirmou que a múmia está em um “estado espiritual muito raro e especial” conhecido como “tukdam”, que é uma etapa para se tornar um Buda na vida real.


Segundo Kerzin, o monge que entra em tukdam dificilmente sobrevive à três semanas, e quando passa disso, o corpo gradualmente encolhe, até restar apenas o cabelo, unhas e roupas, chegando ao mais elevado estado de espírito do Estado de Buda.


(DOL com informações do History Channel)

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS