Diário Online
Notícias / Negócios
MUDANÇA

Extrafarma é comprada pela Pague Menos por R$ 600 milhões

Pagou mais, levou! O negócio torna a Pague Menos a segunda maior varejista de drogarias do Brasil, atrás apenas da RD, dona das marcas Drogasil e Droga Raia.

terça-feira, 18/05/2021, 11:30 - Atualizado em 18/05/2021, 12:10 - Autor: Com informações do site Investing


A rede Extrafarma pertencia ao conglomerado Ultrapar, que pretende se concentrar no setor de óleo e gás
A rede Extrafarma pertencia ao conglomerado Ultrapar, que pretende se concentrar no setor de óleo e gás | Reprodução - Facebook

Tão presentes na paisagem de Belém quanto as mangueiras ou os pontos de venda de açaí, as farmácias da bandeira Extrafarma agora pertencem a outro grupo empresarial.

A rede de farmácias Pague Menos comprou sua concorrente, Extrafarma. A informação foi divulgada pela agência de notícias Reuters. O negócio teria sido fechado na noite desta segunda-feira (17), pelo valor de R$ 600 milhões.

A rede Extrafarma pertencia ao conglomerado Ultrapar. O negócio torna a Pague Menos a segunda maior varejista de drogarias do Brasil, atrás apenas da RD, dona das marcas Drogasil e Droga Raia. Atualmente, a Pague Menos é a terceira maior cadeia de farmácias.

A compra da Extrafarma elevará em mais de um terço o número de lojas da Pague Menos, para 1.503 unidades, e reforçará a sua presença principalmente nas regiões Norte e Nordeste do Brasil, afirmou uma das fontes. A Extrafarma possui 402 lojas.

A Pague Menos, que tem como investidor a gestora de private equity General Atlantic, pagará 300 milhões de reais pela Ultrapar quando o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) der o sinal verde ao negócio. O restante será pago nos próximos dois anos, em duas parcelas iguais. Considerando dívida e caixa, o valor total da Extrafarma foi fixado em 700 milhões de reais.

Ainda de acordo com as fontes da Reuters, a Ultrapar decidiu vender a Extrafarma em meio a uma grande reorganização de seu portfólio, com o objetivo de se concentrar no setor de óleo e gás. O grupo está em negociações exclusivas com a Petrobras para a aquisição da refinaria Regap, localizada no Rio Grande do Sul.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS