Notícias / Notícias Pará
AGRESSÃO A CANDIDATOS

Pela segunda vez, Justiça Eleitoral retira propaganda de Thiago Araújo do ar após ataques

Caso o candidato a prefeitura de Belém Thiago Araújo insista em veicular o conteúdo ofensivo, terá que pagar multa de R$ 5.000,00 por exibição.

terça-feira, 03/11/2020, 07:24 - Atualizado em 03/11/2020, 07:22 - Autor: Diário Online


Imagem ilustrativa da notícia: Pela segunda vez, Justiça Eleitoral retira propaganda de Thiago Araújo do ar após ataques
| Thiago Araújo/Divulgação

Pela segunda vez em menos de cinco dias, o candidato a prefeito de Belém, Thiago Araújo (Cidadania), foi punido pela Justiça Eleitoral por apresentar propaganda irregular e ofensiva, atacando o candidato José Priante (MDB) e o governador do Estado do Pará, Helder Barbalho.

"Defiro a concessão de medida liminar para suspender imediatamente a exibição da propaganda objeto desta representação, bem como determino que se abstenham os representados de nova exibição", afirmou o despacho do juiz Jackson José Sodré Ferraz, na representação 0600160-89.2020.6.14.0029.

Leia também:

Justiça Eleitoral pune Thiago Araújo e ordena que ele tire propaganda do ar

“Belém avançou muito nos últimos anos [na área da saúde]”, diz Thiago Araújo

A decisão foi motivada após Thiago veicular inúmeras vezes um vídeo em que ataca um de seus adversários. 

No despacho, dado por Ferraz, da 29ª Zona Eleitoral/Pará, é destacado que "a propaganda, em tela, traz imagens externas e sem a participação do candidato representado, cuja identificação igualmente não é feita, nem de seu vice, o que não observa a diretriz da Resolução 23.610/2019 TSE", sugerindo uma forma de "atacar sem ser visto".

Com a decisão, Thiago Araújo está proibido de veicular tal peça publicitária. Caso insista em veicular o conteúdo ofensivo, terá que pagar multa de  R$ 5.000,00  por exibição.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS