Diário Online
Notícias / Notícias Pará
ALTAMIRA

Filha diz que mãe pode não ter morrido de infarto e suspeita de padrasto

Jovem fez vídeos e publicações nas redes sociais e acredita que a mãe possa ter sido envenenada.

quarta-feira, 17/03/2021, 21:26 - Atualizado em 17/03/2021, 21:33 - Autor: Redação


Imagem ilustrativa da notícia: Filha diz que mãe pode não ter morrido de infarto e suspeita de padrasto
| Reprodução Facebook

A morte da executiva Sandra Xavier, no último dia 25 de janeiro, em Altamira, sudoeste paraense, ganhou novos contornos esta semana.

A filha da vítima, Maria Luiza Xavier, de apenas 17 anos, afirma que a mãe pode não ter morrido por infarto, mas sim ter sido assassinada pelo marido da vítima.

Sandra Xavier, que também exerceu vários cargos políticos na região, morreu supostamente após enfartar em casa.

No entanto, Maria Luíza relata que várias testemunhas a procuraram para dizer que o padrasto da adolescente pode estar envolvido na morte. Horas antes da morte de Sandra, a vítima teve uma intensa discussão com o marido, Azemar, em um restaurante da cidade.

Maria Luiza, que estava em Belém quando ocorreu a situação, contou em vídeo que o padrasto agredia Sandra constantemente, inclusive, quebrando partes do corpo em algumas discussões.

Ela afirma que quando chegou a Altamira, o padrasto apresentou comportamento suspeito, impedindo-a de acessar o computador da mãe. Também houve uma briga entre os dois neste período.

A filha de Sandra diz ainda que testemunhas contaram que a mãe falou para todos no restaurante, horas antes de morrer, que a vida dela era uma farsa.

Na mesma briga, Azemar teria jogado o celular da vítima no rio. Maria Luiza pediu ás testemunhas que falassem o que realmente aconteceu, mas todas, por medo de Azemar, preferiram ficar em silêncio.

Maria Luiza diz que pediu a exumação do corpo à Polícia Civil e aguarda retorno. Ela suspeita que a mãe possa ter sido envenenada.

Veja o relato de Maria Luiza e os prints de testemunhas que lhe procuraram:

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS