Notícias / Notícias Pará
OPERAÇÃO DO DETRAN

Ação tenta coibir motocicletas com escapamento alterado

Durante a operação do Detran, houve 18 autuações, cinco veículos removidos além de um veículo autuado por uso de som automotivo. Detran contou com parceria da PM e SeMob.

sábado, 29/05/2021, 09:28 - Atualizado em 29/05/2021, 09:31 - Autor: Agência Pará


Imagem ilustrativa da notícia: Ação tenta coibir motocicletas com escapamento alterado
| Reprodução/Freepik

Quem circula pela capital paraense já deve ter se deparado com algum motociclista que usa a motocicleta com escapamento alterado. O que muita gente não sabe é que andar com o veículo com característica alterada é uma infração grave. Além de causar muito barulho e trazer incômodos para a população, esse tipo de atitude traz uma série de prejuízos para a saúde e para o meio ambiente.

O Departamento de Trânsito do Estado (Detran) realizou, na noite desta sexta sexta-feira (28), uma operação de fiscalização para coibir o uso irregular de motocicletas com escapamento alterado. A ação foi decidida, após reunião dos órgãos da Segurança Pública com o Ministério do Público do Pará (MPPA), que tem recebido grande número de reclamações de moradores sobre o incômodo causado por estes veículos.

As alterações realizadas nas características originais da motocicleta, além deixarem o veículo em desacordo com o previsto por lei, prejudicam a saúde e o meio ambiente. Como o silenciador do escapamento consiste em um item projetado para diminuir os ruídos do motor, uma vez alterado, pode trazer consequências prejudiciais, como o um aumento significativo do ronco do motor e da quantidade de fumaça liberada.

A operação realizada na avenida Antônio Barreto, próximo à avenida Visconde de Souza Franco, seguiu até a madrugada deste sábado (29), e registrou 18 autuações, com cinco veículos removidos além de um veículo autuado por uso de som automotivo. Além do Detran, estiveram presentes a Polícia Militar, através do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA) e a Secretaria de Mobilidade Urbana de Belém (SeMob).

"Incomoda idosos, animais, qualquer pessoa se sente incomodada com o som emitido e a ação é justamente para que esse veículo passe a não trafegar. Cidadão tá em casa, querendo descansar e muitas vezes se espanta com o barulho destes escapamentos, o que é inadmissível", ressaltou o coordenador de Operações do Detran, Ivan Feitosa, presente na ação.

De acordo com o artigo 230, parágrafo XI, do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), conduzir o veículo com descarga livre ou silenciador de motor de explosão defeituoso, deficiente ou inoperante, é uma infração de trânsito grave, gerando ao condutor uma multa no valor de R$ 195,23 e medida administrativa, podendo o veículo ficar retido para regularização. 

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS