Diário Online
Notícias / Notícias Pará
ATENDIMENTO EXTRA

Detran abre neste domingo em Salinópolis

Motoristas terão a oportunidade de liberar veículo retido durante este domingo.

domingo, 11/07/2021, 08:12 - Atualizado em 11/07/2021, 08:12 - Autor: Fonte: Agência Pará


Além da fiscalização trabalhos são voltados para antecipar as demandas dos motoristas
Além da fiscalização trabalhos são voltados para antecipar as demandas dos motoristas | Reprodução/Instagram

O Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran/PA) tem atuado em diversas frentes neste segundo final de semana da Operação Verão 2021 em Salinópolis, um dos principais destinos turísticos do nordeste paraense. Um total de 65 agentes de fiscalização do Departamento trabalham para manter o trânsito organizado e seguro na localidade.

Um dos destaques das operações este ano está na tecnologia. No posto do Detran, localizado na PA-124, passou a funcionar, desde a última sexta-feira (9), o controle das câmeras localizadas na entrada da vila de Cuiarana e do residencial Coremas. Com a tecnologia, é possível identificar veículos em situação irregular tanto administrativamente quanto criminalmente, no caso de roubo e furto, que são abordados pelos agentes na barreira que fica adiante, com apoio da Polícia Militar e Polícia Rodoviária Estadual (PRE).

O Detran este ano conta também com uma estrutura que permite agilizar o processo de pagamento de multas e outras infrações, flexibilizando as condições ao condutor, que pode, inclusive, ter o veículo liberado na própria blitz.

“Existem muitos veículos com problemas de licenciamento em atraso e outras demandas. Devido a isso, montamos uma estrutura de fiscalização e atendimento. O condutor multado pode ter acesso às informações sobre os débitos instantaneamente e, pagando o débito, pode liberar o carro na própria blitz. Com esse aparato de 2021 é a primeira vez sim", afirma Marcelo Lima Guedes, diretor do Detran.

Outra novidade esse ano é a abertura do Ciretran de Salinas, neste domingo (11). A circunscrição de trânsito decidiu ampliar o atendimento extra das 9h às 15h, oferecendo a oportunidade ao motorista de ter o carro liberado antes de segunda-feira.

"Acontecem alguns problemas, como alcoolemia, onde o veículo é retido. Nesses casos o veículo vai para o parque de retenção. Muitas vezes o condutor mora em Belém e quer liberar o carro antes de segunda-feira. Então tomamos a decisão de abrirmos amanhã a Ciretran, para que quem teve o carro retido possa liberar o veículo”, pontua Marcelo Lima Guedes.

"Temos observado muitos casos de pessoas que pagaram seus boletos de licenciamento após a data do vencimento que ainda não foram devidamente regularizados e aqui na barreira nós contamos com um colega da Coordenadoria de Registro de Veículos que já regulariza esta situação para o usuário", comenta o agente de fiscalização de trânsito Deninson Maia.

Na PA-444, via de acesso à praia do Atalaia, o Detran também mantém um posto fixo onde, diuturnamente, são realizadas barreiras de fiscalização e a Operação Lei Seca, onde os condutores são orientados a realizar o teste com o etilômetro para verificação dos índices de alcoolemia.

POLUIÇÃO SONORA

O Detran vem atuando de maneira incisiva no combate à poluição sonora, especialmente na praia do Atalaia. Com o apoio da PM, os agentes percorrem a praia e abordam os proprietários de veículos que não estejam em conformidade com a com a Resolução 624, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). 

De acordo com artigo 228 do CTB, a infração de trânsito ocorre quando o equipamento produz som audível pelo lado externo do veículo, independentemente do volume ou frequência, que perturbe o sossego público. A irregularidade é enquadrada como infração grave, passível de multa de R$ 195,23, além de pontuação na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e retenção do veículo para regularização.

"Nosso papel primordial é alertar o cidadão que esta prática é errada e passível de multa, para que não haja a reincidência e todos possam curtir o veraneio com tranquilidade", afirma o agente de fiscalização Walmero Costa, que está à frente da operação. Caroline Silva, castanhalense, é professora e estava, na tarde da última sexta com o marido na praia quando foi abordada pelos agentes e imediatamente reduziu o volume do veículo da família.

"Este trabalho é importante porque muitas pessoas nem sabem desta regra e estar com o som num volume em que nós podemos nos divertir sem incomodar outras pessoas é importante para nós e para os outros também".

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS