Diário Online
Notícias / Notícias Pará
AGRICULTURA

Produtores de cacau do Pará participam do Salão de Paris

Empresário de Medicilândia, Novo Repartimento e Altamira estão no 26ª edição do Salão do Chocolate e do Cacau.

segunda-feira, 01/11/2021, 17:20 - Atualizado em 01/11/2021, 17:20 - Autor: ( Agência Pará )


Produtores do Pará no 26ª edição do Salão do Chocolate e do Cacau.
Produtores do Pará no 26ª edição do Salão do Chocolate e do Cacau. | Divulgação

O Pará está representado na 26ª edição do Salão do Chocolate e do Cacau, em Paris, na França, pelo produtor João Evangelista, do Sítio JE do município de Novo Repartimento, por Rita Aguiar, da  CacauWay, do município de Medicilândia e por  Jedielson Oliveira, do município de Altamira e representantes de cooperativas de produtos orgânicos. Uma comitiva do Governo do Estado também participa da programação, que iniciou na última  quinta-feira (28) e será encerrada nesta segunda-feira (1). A programação segue todos os protocolos de segurança contra a Covid- 19.

Participam pelo governo estadual o secretário-adjunto da Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), Lucas Vieira, acompanhado da engenheira agrônoma, Dulcimar Melo, que atua no Programa de Desenvolvimento da Cadeia Produtiva da Cacauicultura (Procacau) e da Diretora de Agricultura Familiar, Antônia Aleixo. 

Para o secretário Lucas Vieira, a participação dos produtores paraenses na programação é importante, pois mostra o respeito que o cacau do Pará alcançou dentro e fora do Brasil. “Nosso objetivo é mostrar ao mundo inteiro, pois aqui temos empresas e chocolatier de várias partes do planeta, que a amêndoa produzida no nosso estado é cada vez mais sustentável e de qualidade; mostramos que o Pará se importa com a forma como estamos produzindo o cacau", destacou Vieira.

Ele complementa, ainda, que o Pará está  “de portas abertas ao mundo para comprovar a excelência quando se fala em produção de cacau de qualidade". 

Dedicação

O produtor João Evangelista, conhecido popularmente na comunidade como “Rogério”, concorre ao prêmio Cocoa of Excellence (Cacau de Excelência), que é considerada a mais importante premiação do segmento.

Na seletiva, a amostra paraense se destacou entre as 50 melhores amêndoas do planet, passando pela peneira dos especialistas entre as 235 avaliadas. Este ano, em função da pandemia da Covid-19, o resultado final, ocorrerá em dezembro e será apresentado virtualmente. 

Nascido no Maranhão, na cidade de Brejo, na comunidade de Gameleira, João Evangelista “Rogério” se mudou ao Pará quando tinha apenas 18 anos, mais precisamente, para o município de São Félix do Xingu. Desde 2013, passou a morar no assentamento Tuerê, onde começou a trabalhar com cacau. Se orgulha de nunca ter derrubado uma árvore para plantar.  Diz que a “ficha ainda não caiu” quando se refere a sua classificação entre os melhores cultivadores de cacau nacional e internacional.  “Eu me sinto alegre de estar nessa posição. Ainda estou procurando entender isso tudo”, pondera o produtor que ressalta o apoio que vem recebendo do Governo do Estado e dos recursos do Funcacau que viabilizaram a sua ida até Paris, a exemplo de outros produtores.  

 Evangelista também recebe acompanhamento da Fundação Solidarid, que incentiva os agricultores familiares a plantar cacau na sombra de árvores nativas. Foi através da fundação que ele conseguiu fazer a sua inscrição à premiação.

Para  Rita Aguiar  do município de Medicilândia, a participação na programação francesa é uma excelente oportunidade de bons negócios. “ Essa participação aqui em Paris é muito gratificante; é um reconhecimento à nossa dedicação e amor com o nosso trabalho”, observa. Ela explica que está retornando com futuros negócios agendados. 

 Para o representante das cooperativas de cacau orgânico, o salão está sendo uma oportunidade de novos aprendizados  também.   "Uma oportunidade  para nos aprimorarmos e cada vez mais atendermos às exigências do mercado ", destacou Jedielson Oliveira, de Altamira.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS