Diário Online
Notícias / Notícias Pará
VOLTA ÀS AULAS

Material escolar: confira preços pesquisados pelo DIÁRIO

Lojas especializadas do centro comercial de Belém receberam um bom número de pais que comparavam valores ou já realizavam as compras no primeiro dia útil do ano

terça-feira, 04/01/2022, 21:42 - Atualizado em 04/01/2022, 21:41 - Autor: Suênia Cardoso


Com a proximidade maior do retorno das aulas, a procura pelo material escolar aumentou nas lojas
Com a proximidade maior do retorno das aulas, a procura pelo material escolar aumentou nas lojas | Irene Almeida/Diário do Pará

A busca por material escolar começou a aquecer as vendas nas lojas especializadas de Belém. Ontem (03), alguns clientes, com ou sem os filhos, seguravam em mãos listas de itens para a pesquisa de menor preço, sem esquecer a qualidade do produto. Foi o caso da médica Ana Paula Rodrigues, de 42 anos. Ela orçava valores de material escolar para os dois filhos e havia iniciado a cotação no primeiro dia útil do ano. 

“Por falta de tempo vou pesquisar e comprar tudo na mesma loja, fazer a comparação de preços dentre as marcas dos produtos e optar pela qualidade e custo-benefício”, contou. Ainda segundo ela, em relação ao ano passado os valores estão mais elevados, porém, ela sempre se prepara e destina uma quantia em dinheiro para a compra do material. “Sempre me programo para essas despesas, que são fixas no início do ano. Fica pré-programado”, frisou. 

A equipe do DIÁRIO esteve em duas lojas do centro comercial de Belém e pesquisou os menores preços de alguns itens primordiais na lista de material escolar. Na travessa Padre Eutíquio, na loja Brazz Brazz, havia uma alta demanda de clientes fazendo cotação de preços, no entanto, a procura não era de agora. 

Segundo uma das funcionárias, desde dezembro do ano passado ela tem percebido uma movimentação maior de clientes e a tendência é aumentar. Quanto aos preços, em razão da alta do dólar, ela disse que ao longo do ano tiveram que reajustar alguns itens em torno de 10% a 30%, dependendo da matéria-prima que envolve cada produto. Contudo, acredita que muitos clientes já estão preparados e chegam à loja sabendo que vão gastar um pouquinho mais. 

CLIENTES 

Na rua Manoel Barata, a loja especializada Império do Escritório também registrava uma quantidade expressiva de clientes em busca de cadernos, lápis, mochilas ou canetas. Em média, levando em consideração a lista ao lado, os consumidores devem desembolsar, aproximadamente, R$ 200 na compra dos produtos. Alguns itens pesquisados, como mochilas comuns ou resma de papel, estão em falta, entretanto, não devem demorar a ser repostos, já que a procura deve aumentar.

 

|
 


Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS